Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


Graphic NovelVários

Emily Carroll: “As histórias assustadoras em geral sempre me fascinaram”

Autora conta sobre suas inspirações e processos de criação

Floresta dos Medos é um compilado delicado e sombrio de histórias para ler no escuro. Ao passearmos por essa floresta, nos deparamos com monstros, fantasmas e outras coisas mais que nos espreitam por entre as árvores. A autora, Emily Carroll, é conhecida no mundo dos quadrinhos e, em entrevista para o That Shelf, contou sobre a obra.

TS: Você pode descrever seu processo de montar Floresta dos Medos e como/se houve variação de seus outros quadrinhos? 

EC: Trabalhei no livro história por história, embora tivesse planos vagos para cada um dos quadrinhos quando comecei (embora “planos” possa ser uma palavra muito grandiosa, pois eram literalmente resumos de 1-3 frases). De certa forma, não variou muito de como eu costumo fazer meus quadrinhos da web, além do fato de que passei mais tempo com eles e que, é claro, estava lidando com páginas em vez da expansão (potencialmente) infinita de um site. E mesmo isso não foi uma mudança muito grande, foi apenas outro formato a ser explorado.

Em termos de processo, começo com scripts e esboços em miniatura, que são feitos simultaneamente, e a partir daí vou direto para a arte final. Isso realmente me ajuda a imaginar como todo o quadrinho vai ser sentido o mais rápido possível, só para que eu saiba do que sou capaz, em termos de habilidade e o que preciso ajustar. Então eu geralmente fazia uma página ou duas de arte finalizada (exceto edições) antes mesmo de terminar de organizar todo o roteiro. As coisas realmente se firmam enquanto eu trabalho; se eu esperasse até que meu roteiro estivesse absolutamente perfeito antes de começar, eu nunca começaria.

TS: O que te inspirou a escrever uma coleção de histórias assustadoras usando a floresta como tema?

EC: O tema da floresta só se revelou em retrospecto, na verdade — lidando com tantos contos de fadas como inspiração, acabo ambientando a maioria das minhas histórias em uma floresta misteriosa ou outra coisa parecida sem nem pensar nisso. Quando terminei o livro e olhando para trás em todas as histórias, foi o primeiro título que me veio à mente, até então a coleção tinha apenas um título muito temporário e genérico.

As histórias assustadoras em geral sempre me fascinaram e, embora eu leia todos os tipos e gêneros, quando se trata de criar minhas próprias histórias, tenho uma satisfação especial em obter uma assustadora [história] da maneira certa. Eu tenho feito tirinhas de web assustadoras há alguns anos, e acho que só queria enfrentar o desafio de capturar uma estranheza semelhante na página impressa também.

TS: Você escreve o que te assusta, o que você acha que vai assustar os outros, ou ambos? Alguma história em particular foi assustadora o suficiente para dificultar sua conclusão?

EC: Minhas próprias histórias geralmente não me assustam, só porque eu as conheço tão bem que perco aquela qualidade desconhecida da qual o horror tanto depende. Eu geralmente coloco tudo em torno de uma emoção central com a qual luto, algo que é facilmente acessível para a maioria das pessoas (como culpa, inveja, solidão) e depois uso isso como a espinha dorsal de qualquer horror que eu crie. Houve histórias que me deixaram bastante melancólica para trabalhar, mais do que realmente me assustaram. 

TS: Você tem uma faixa etária específica em mente ao escrever?

EC: Na verdade, não penso muito em idade quando estou criando minhas próprias histórias — a menos que, no caso de algumas antologias em que participei, o trabalho seja especificamente voltado para crianças (e os editores geralmente procuram algo que não é deprimente ou excessivamente mortal). Minhas tirinhas e as histórias em Floresta dos Medos são histórias que criei apenas porque eram histórias que eu queria criar, e não pensei na idade do público durante essa criação. Acho que as crianças podem lê-las e tirar algo delas, e os adultos a mesma coisa, mas talvez coisas diferentes dependendo da pessoa. Pessoalmente, quando se trata do livro, é algo que eu teria lido quando criança, com certeza, mas cada criança é diferente. Acho que se eu pensei em uma faixa etária ao fazê-lo, mesmo inconscientemente, foi especificamente para a minha infância.

TS: As histórias de Floresta dos Medos parecem se passar em épocas diferentes, mas há uma atemporalidade geral em todas elas. Foi uma escolha consciente ou simplesmente se juntaram?

EC: Eu escolhi eras diferentes principalmente para que cada história tivesse um estilo distinto e não houvesse nenhuma confusão sobre se elas eram histórias ligadas/continuadas ou não. Isso, e — esta é a resposta idiota — porque eu gosto de desenhar trajes de época.

TS: Você tem uma história ou painel favorito nesta coleção?

EC: Na verdade, sim! Minha história favorita é “As Mãos de uma Moça são Frias“, em parte porque foi muito divertido trabalhar nesse estilo, e em parte porque ficou exatamente como eu queria que ficasse (o que é raro). Meus painéis favoritos no livro também são dessa história — a página sem palavras onde a personagem principal se senta para comer com seu novo marido pela primeira vez tem um lugar especial no meu coração.

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Floresta dos Medos + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Fragmentos do Horror + Brinde Exclusivo
R$ 54,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Francis + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Crime SceneFilmes

Novo filme sobre o caso Richthofen começa a ser planejado

Depois do sucesso alcançado pelos longas A Menina que Matou os Pais e O Menino que...

Por DarkSide
FilmesListas

Entenda a ordem cronológica de toda a saga Star Wars [ATUALIZADO]

Com a chegada do Disney+ no Brasil contendo todos os filmes e derivados de Star Wars,...

Por DarkSide
Cine Book ClubSéries

A 4ª temporada de Stranger Things já está entre nós

Chegou o grande dia: Após 3 anos de espera, os primeiros episódios da 4ª temporada...

Por DarkSide
FilmesListasPerfil

Ray Liotta, para sempre um bom companheiro

Em 1990, a adaptação de Os Bons Companheiros dirigida por Martin Scorsese lançou o...

Por DarkSide
Graphic NovelListas

As florestas mais mágicas do Japão + hábitos relacionados a elas

Os fãs dos títulos japoneses lançados pela Caveira já se depararam com florestas...

Por DarkSide