Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


LançamentoMacabra

Lançamento: Crimes Vitorianos Macabros, de Kate Clarke, M.W. Oldridge, Neil R.A. Bell e Trevor Bond

A realidade vitoriana comprova que os verdadeiros horrores não estavam apenas na ficção

Poucas coisas evocam mais a Grã-Bretanha vitoriana do que seus criminosos. Junto com as ferrovias, os lampiões a gás e a névoa constante, eles são ingredientes vitais em qualquer narrativa que procure retratar o período. A verdade, no entanto, era com frequência mais estranha, emocionante e assustadora do que a ficção.

Em Crimes Vitorianos Macabros, quatro renomados historiadores do tema revelam as realidades terríveis desse aspecto da vida vitoriana, oferecendo um perfil não apenas dos criminosos e suas vítimas, mas também de policiais, cientistas forenses e outros que mergulharam nas densas sombras do século XIX.

Crimes notórios — o assassinato de Road Hill, o mistério de Balham e Jack, o Estripador — se somam aos casos esquecidos e negligenciados. A obra apresenta histórias chocantes e aterrorizantes e expõe também os horrores do cotidiano da época, em relatos impressionantes e contundentes. Entre eles, temos o de Amelia Dyer, a “criadora de bebês” que anunciava um lar amoroso a bebês indesejados, mas os matava impiedosamente, e a história de Mary Anne Cotton, que envenenou vários maridos, filhos e outros parentes a fim de obter o dinheiro do seguro de suas mortes. Outro caso notável é o de James “Babbacombe” Lee, condenado por matar seu empregador. Ele sobreviveu a três tentativas de enforcamento e escapou em liberdade. Entre os carrascos do período, destacam-se James Berry (que tentou executar Lee sem sucesso), Thomas Calcraft e William Marwood.

Embora vista hoje como uma época violenta, a era vitoriana registrou poucas tentativas de assassinato de personalidades. Apesar de alguns atentados contra a rainha Vitória durante seu longo reinado, ela nunca chegou sequer a ser ferida. A única vítima realmente ilustre foi Edward Drummond, secretário do primeiro-ministro Robert Peel. O livro também fala sobre Charles Dickens, talvez o maior escritor de ficção policial da época; e sobre o triste episódio da lendária Dorset Street, no East End, apelidada como “a pior rua de Londres” devido à sua história de superlotação, abuso de álcool, prostituição, violência doméstica e assassinatos.

Obra de referência única, Crimes Vitorianos Macabros é uma leitura imprescindível para todos que se interessam por crimes reais, repleta de indicações e recomendações para quem deseja se aprofundar na atmosfera misteriosa e macabra do período vitoriano.

KATE CLARKE é autora de Murder at the Priory (com Bernard Taylor), In the Interests of Science: Adelaide Bartlett and the Pimlico Poisoning, Who Killed Simon Dale?, Deadly Service, Bad Companions, Fatal Affairs e A Deadly Dilemma. Seus diários e documentos (de 1958 até hoje) estão arquivados na biblioteca da Universidade de Sussex.

M .W. OLDRIDGE é o autor de Murder and Crime: Whitechapel and District e The Moat Farm Mystery

NEIL R.A. BELL é um dos estudiosos mais respeitados do caso de Jack, o Estripador. Colaborador de longa data de publicações especializadas, como Ripperologist e Casebook Examiner, além da bbc, escreveu diversos artigos sobre o caso e ficou em segundo lugar no Prêmio Jeremy Beadle pelos melhores artigos do ano na Ripperologist em 2009 e 2010. Neil também colaborou com documentário Jack the Ripper: The Definitive Story (2011), do Channel Five.

TREVOR BOND é coautor de Crimes Vitorianos Macabros. Apresentou trabalhos em congressos sobre Jack, O Estripador em 2009, 2012, 2014 e 2017.

Ficha Técnica
Título | Crimes Vitorianos Macabros
Autores | Kate Clarke, M.W. Oldridge, Neil R.A. Bell e Trevor Bond
Tradutor | Stefano Volp
Editora | DarkSide®
Especificações | 352 páginas, 16 x 23 cm, capa dura
ISBN | 978-65-5598-105-6

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

3 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Crimes Vitorianos Macabros + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Vitorianas Macabras + Brinde Exclusivo
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Medicina Macabra 2 + Brinde Exclusivo
R$ 74,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Graphic NovelListas

As florestas mais mágicas do Japão + hábitos relacionados a elas

Os fãs dos títulos japoneses lançados pela Caveira já se depararam com florestas...

Por DarkSide
DarkloveListasMagicae

8 Seres peculiares da mitologia eslava

O livro A Fabulosa Casa com Pernas apresenta ao leitor o aspecto mágico da mitologia...

Por DarkSide
LançamentoMacabra

Conheça 3 cinemas que são assombrados de verdade

Clive Barker, uma das mentes mais malignas de todos os tempos, traz em seu Livros de...

Por Macabra
DarksideFilmes

Por que Tim Burton quis fazer um filme sobre Ed Wood

Houve uma época em que o cinema era conhecido como uma fábrica de sonhos. E quem...

Por DarkSide
DarkloveMagicae

5 Deusas Nórdicas e suas lições

Nem só de Thor, Odin e Loki é feita a mitologia nórdica. Deusas poderosas também...

Por DarkSide