Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


Graphic NovelLançamento

Mangá Death Disco v.1 chega à DarkSide® em edição de luxo

Ação, violência e ceifadores profissionais em uma série de sete volumes, criada por Atsushi Kaneko.

A DarkSide® Books segue apostando em sua linha de mangás e atendendo o desejo de seus leitores com os novos nomes dessa arte centenária. Depois da coletânea de histórias curtas Fragmentos do Horror, de Junji Ito, e de A Menina do Outro Lado, de Nagabe, a editora traz para o Brasil Death Disco, série em sete volumes de Atsushi Kaneko.

A obra conta a história de uma legião de matadores, de objetivos um tanto obscuros, chamada Guild, um tipo de sindicato onde todos são classificados conforme os serviços prestados. Esse grupo caça as vítimas por meio dos reapers, ou ceifadores, assassinos fantasiados e cruéis, que competem entre si para ganhar notoriedade e respeito dentro de suas Guilds. Entre todos eles, se destaca uma menina extremamente letal: Deathko. A chegada da jovem abala o equilíbrio deste universo, uma vez que ela mostra total falta de respeito às regras vigentes. Com estilo só seu, que passeia entre o gótico e uma certa melancolia, Deathko odeia o mundo em que vive e está disposta a mudar tudo ao seu redor usando as ferramentas que possui. Todas as noites, ela deixa o porão de seu castelo, onde faz os mais variados instrumentos mortais, e sai à caça. Com ela do lado de fora, a morte espreita em todos os cantos.

Kaneko — conhecido dos leitores brasileiros por Bambi — dá sequência a alguns temas recorrentes em sua obra, como a exploração da ultraviolência, protagonistas femininas fortes e matadoras, personagens inusitados, uma construção narrativa em velocidade vertiginosa, afiada como uma foice, sem falar no traço belo e minimalista do autor. Porém, Death Disco vai ainda mais fundo na fantasia de terror e na crueldade dos personagens. Atsushi Kaneko junta aos tradicionais elementos do desenho de mangá traços do quadrinho underground europeu e norte-americano, gerando um resultando bastante particular, assustador e encantador ao mesmo tempo.

A DarkSide® Graphic Novel é uma expansão do universo sombrio e fantástico da editora, lar de Charles Burns, autor de Black Hole e Big Baby, e de quadrinistas de renome como Dave McKean, Nagabe, Junji Ito, Kate Evans, Emily Carrol, Danilo Beyruth, Bernie Wrightson, Derf Backderf (de Meu Amigo Dahmer), entre outros. Se você é fanático pela arte sequencial, prepare-se para se surpreender novamente com sua velha paixão. Os que não têm o hábito de ler hqs, não vão se arrepender. Quem aposta no escuro com a DarkSide® costuma virar fã.

Atsushi Kaneko é um mangaka (autor de histórias em quadrinhos) e cineasta nascido em Sakata, no Japão, em 1966. Conhecido por obras como Soil e Bambi, foi indicado para o prêmio do Festival de Angoulême, o mais importante da Europa, em 2012, 2013 e 2015. Ele tuita (em japonês) no seguinte perfil: twitter.com/ kaneko_atsushi_

“O mise en scène de Atushi Kaneko é tão elegante quanto de um Tarantino em seu melhor momento.”
— ZOOM JAPAN —

“Cada quadrinho vira um espetáculo visual e, não só, consegue manter o andamento da trama através de muitos capítulos, com o uso mais que acertado dos cliffhangers.”
— ZHONA ZERO —

“Com Death Disco, Kaneko confirma ser um mestre completo do desenvolvimento de cenas e da narrativa muda — ou quase muda.”
— TÉLÉRAMA —

“Death Disco toma sua visão. Folhear suas páginas é entrar em um poderoso mundo preto e branco, cheio de imagens icônicas: gângsteres imperturbáveis, golpistas de camisa florida, seres saído de pesadelos, brinquedos impossíveis, cenários sinistros e muitos, muitos assassinos bizarros. […] E acima de tudo isso, como uma princesa mórbida em um castelo expressionista, a graciosa Deathko, uma criança sádica e mortal.”
— VIÑETARIO —

Ficha Técnica
Título | Death Disco
Volume | 1
Autor | Atsushi Kaneko
Tradutora | Renata Garcia
Editora | DarkSide®
Edição | 1a
Idioma | Português
Especificações | 192 páginas, capa dura
Dimensões | 14 x 21 cm
ISBN | 978-85-9454-208-3

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Crime SceneQue diabo de filme é esse?

Nó na Garganta, 1997

O medo transforma as pessoas. Quando vivemos em um ambiente rodeado pelo caos, por...

Por DarkSide
Cine Book ClubPerfil

Carrie Fisher: “Fique com medo mas faça mesmo assim”

Carrie Fisher é uma das grandes personalidades surgidas na 2ª metade do século XX, e...

Por DarkSide
Graphic NovelLançamento

Como a produção desenfreada de lixo afeta a saúde do planeta

Parece mágica: você coloca tudo aquilo o que não quer mais em um recipiente, leva o...

Por DarkSide
Graphic NovelLançamento

David Small: “O leitor é o sonhador do livro”

Quem lê as mais de 400 páginas de Escuridão nem imagina que a graphic novel levou...

Por DarkSide
FilmesListasMedo Clássico

10 curiosidades sobre Bela Lugosi que todo fã de terror deveria conhecer

Bela Lugosi definiu a forma como os vampiros são interpretados no cinema muito antes...

Por DarkSide