Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ

DarkloveLançamento

Para Sempre vou te Amar: Autismo e a relação com animais

Livro de Catherine Ryan Hyde traz personagem com o transtorno

A eternidade dos laços afetivos é celebrada em Para Sempre vou te Amar, novo romance de Catherine Ryan Hyde publicado pelo selo DarkLove. Na história, a adolescente Angie e sua mãe vivem em residências provisórias. A questão está relacionada ao fato de sua irmãzinha Sophie, que tem transtorno de espectro autista, gritar por horas a fio.

LEIA TAMBÉM: CONHEÇA “PARA SEMPRE VOU TE AMAR”, DE CATHERINE RYAN HYDE

As coisas mudam quando as três se mudam para a casa da tia e as meninas descobrem que são vizinhas de um dogue alemão. O convívio com o animal muda Sophie: com uma súbita conexão com o cãozinho, os gritos dão lugar a um silêncio cúmplice.

De maneira sensível, a autora aborda o tema do autismo, um transtorno que pode se manifestar de diferentes formas e que exige toda uma adaptação de familiares e pessoas próximas. Com conhecimento, empatia e paciência é possível não apenas conviver com uma pessoa autista, mas melhorar a qualidade de vida dela e de todos ao redor.

Créditos: autismspeaks.org

O que é o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA)

Em primeiro lugar é preciso entender que não existe apenas um tipo de autismo e que ele não irá se manifestar da mesma forma em diferentes pessoas. Conforme explica o site da organização Autismo e Realidade, o Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) reúne desordens do desenvolvimento neurológico presentes desde o nascimento ou começo da infância. São elas:

  • Autismo Infantil Precoce;
  • Autismo Infantil;
  • Autismo de Kanner;
  • Autismo de Alto Funcionamento;
  • Autismo Atípico;
  • Transtorno Global do Desenvolvimento sem outra especificação;
  • Transtorno Desintegrativo da Infância; e
  • Síndrome de Asperger.

Pessoas dentro do espectro podem apresentar déficit na comunicação ou interação social, além de padrões restritos e repetitivos de comportamento. Estes padrões podem ser caracterizados por movimentos contínuos, interesses fixos e hipo ou hipersensibilidade a estímulos sensoriais.

É importante lembrar que, apesar de serem características comuns aos pacientes com o transtorno, cada um será afetado em intensidades diferentes, gerando situações bem particulares.

Os primeiros sinais do transtorno podem ser observados em bebês de poucos meses. Eles apresentam as seguintes características:

  • Dificuldade de interação social, como manter contato visual, através da expressão facial, gestos, ao expressar emoções e fazer amigos;
  • Dificuldade na comunicação, com uso repetitivo da linguagem e bloqueios para começar e manter um diálogo;
  • Alterações no comportamento, como manias, apego excessivo a rotinas, ações repetitivas, interesse intenso por algo específico, dificuldade de imaginação e hiper ou hipossensibilidade sensorial.

Pessoas com o transtorno do autismo podem ser classificadas em alta, média e baixa funcionalidade. Isso define o grau de independência que ela terá de outras pessoas. Nos pacientes de alta funcionalidade é possível estudar, trabalhar e se relacionar. Na média funcionalidade a pessoa pode precisar de auxílio em algumas funções cotidianas, como tomar banho ou preparar refeições. Já aqueles que apresentam baixa funcionalidade apresentarão dificuldades graves e costumam precisar de apoio especializado ao longo da vida.

A relação de pessoas autistas com os animais

Na história de Catherine Ryan Hyde, a pequena Sophie apenas parou de gritar quando teve contato com o cachorro do vizinho e criou um vínculo com ele. Mas afinal, como a convivência com animais pode impactar uma pessoa com autismo?

De maneira geral, a relação entre humanos e animais domésticos tem se mostrado benéfica para ambos os lados. Enquanto os animais contam com abrigo, alimento e cuidados veterinários, os seres humanos apresentam melhora no bem-estar e na diminuição de ansiedade de forma geral.

Justamente por causa destes benefícios para a saúde mental, propõe-se que o convívio com animais também seja benéfico para pessoas autistas. Porém, é preciso lembrar que cada paciente apresentará características bem peculiares, inclusive quanto à interação com o ambiente – incluindo pessoas e animais. Ou seja, o benefício do convívio com animais não pode ser generalizado quando falamos de Transtorno do Espectro Autista.

Em 2013 foi realizada uma revisão de pesquisas sobre esta relação, incluindo cães, porquinhos-da-Índia, lhamas, coelhos e cavalos. Os estudos indicaram aumento na interação social e nas habilidades de comunicação, bem como diminuição de sintomas de autismo, estresse e problemas de comportamento.
Uma outra pesquisa, realizada em 2017, apresentou que pacientes com transtorno autista melhoraram significativamente a interação com animais domésticos após dez semanas de equoterapia (terapia com cavalos).

Corroborado por outras pesquisas, o estudo indicou que autistas podem generalizar suas habilidades de interação social a partir do convívio que têm com animais. Ou seja, a convivência com animais pode impactar no relacionamento do autista com seus familiares, melhorando a comunicação e a dinâmica interpessoal dentro de casa.

Apesar dos achados otimistas sobre a relação humano-animal, é importante frisar que não existe uma fórmula mágica. Cada pessoa, com ou sem autismo, é única, assim como cada animal e cada relação. Para a pequena Sophie e sua família, foi um encontro capaz de mudar a vida de todos ao redor e que enche nossos corações de otimismo.

LEIA TAMBÉM: CONHEÇA CATHERINE RYAN HYDE, AUTORA DE PARA SEMPRE VOU TE AMAR

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

1 Comentário

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Para Sempre Vou Te Amar + Brinde Exclusivo
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Leve-me com Você + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Só os Animais Salvam + Brinde Exclusivo
R$ 54,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
FilmesHalloweenLançamento

Enfim Halloween!

Em um passado não tão distante, quando ouvimos falar em Halloween, duas coisas...

Por Cesar Bravo
Medo Clássico

Júlia Lopes de Almeida, uma gótica entre nós

Em 1897, 40 intelectuais brasileiros se juntam para fundar a Academia Brasileira de...

Por DarkSide
Crime SceneFilmes

Caso Richthofen: Livro de Ilana Casoy deu origem a dois filmes com pontos de vista diferentes

Em 2002 Suzane von Richthofen assassinou os pais com ajuda do namorado Daniel Cravinhos...

Por DarkSide
DarkloveMagicae

Celebre o início da primavera

Entender o ciclo natural do ano é uma das bases do conhecimento de toda Bruxa Natural...

Por DarkSide
LançamentoMacabra

Lançamento: Grimório Oculto, de John Michael Greer

Como revelar o que não podemos explicar? Acreditar é preciso. Essa é parte da...

Por Macabra