Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ

Cine Book ClubListas

35 anos do slasher movie A Hora do Pesadelo

Relembre a trajetória de Freddy Krueger na franquia que revolucionou o gênero de terror no cinema

O diretor Wes Craven descrevia a essência do clássico A Hora do Pesadelo como uma conversa que teve com sua mãe durante a infância, em que pedia para que ela o acompanhasse para dentro de seus sonhos e o ajudasse a enfrentar o bicho-papão: “Ela respondeu […] que o sono era o único lugar no qual todos nós precisávamos ir sozinhos”. Assim surgiu a ideia para o filme que eternizou um dos personagens mais icônicos do terror, o assustador e mortal Freddy Krueger.  Lançado em 1984, o terror de A Hora do Pesadelo – um slasher movie revolucionário – conquista fãs até os dias de hoje

Na DarkSide Books, o livro A Hora do Pesadelo: Never Sleep Again é o registro mais completo sobre este clássico de terror e mostra todas as dificuldades e o baixo orçamento que esta produção enfrentou. Para escrevê-lo, o autor Thommy Hutson, que já havia elaborado um documentário sobre o filme, voltou a entrevistar membros do elenco e da equipe, incluindo o próprio diretor do longa, Wes Craven.

Como a franquia completa 35 anos em novembro, relembramos a seguir toda a história desta sequência de filmes que nos ensinou que não adianta dormir de luz acesa, o ideal é ficar acordado:

A Hora do Pesadelo (1984) – Direção: Wes Craven

O ínicio de tudo. Neste primeiro capítulo da história de Freddy Krueger, um grupo de adolescentes tem pesadelos com um homem deformado e que possui garras de aço. Ele aparece apenas durante o sono deles e, para escapar, os garotos precisam acordar. Os crimes vão ocorrendo seguidamente, até que se descobre que o ser misterioso é, na verdade, um homem que molestou crianças na rua Elm e que foi queimado vivo pela vizinhança. Agora, Krueger pode ter retornado através do sono para se vingar daqueles que o mataram.

O longa possui um clima assustador, sustentado pela ideia complexa de que o bicho papão dos nossos pesadelos pode nos matar, e mesmo com orçamento baixíssimo da quase falida produtora New Line, conseguiu emplacar um inesperado sucesso que nos acompanha até os dias de hoje.

LEIA TAMBÉM: 7 FATOS ASSOMBROSOS SOBRE A HORA DO PESADELO

A Hora do Pesadelo 2: A Vingança de Freddy (1985) – Direção: Jack Sholder

Na continuação da franquia, uma nova família se muda para a casa em Elm Street, e logo os garotos começam a ter pesadelos com Freddy Krueger. Desta vez, ele tenta tomar o corpo de um adolescente para continuar matando no mundo real. A possível história de possessão dentro do longa não agradou muito aos fãs do icônico personagem de terror, mas o clima assustador que cerca esta narrativa se manteve.

A Hora do Pesadelo 3: Os Guerreiros dos Sonhos (1987) – Direção: Chuck Russell

O assassino de crianças que assombra as noites está de volta. Nesta terceira parte, temos a volta da mocinha do primeiro filme da série, Nancy (Heather Langenkamp). Seis anos após o primeiro longa, a personagem reaparece com mechas brancas, para ajudar a última geração de adolescentes da Rua Elm. Na sequência, um grupo de adolescentes que está internado em uma clínica psiquiátrica passa por um novo tratamento experimental para tentar se livrar da influência nefasta de Freddy Krueger e os pesadelos que os atormentam.

A Hora do Pesadelo 4: O Mestre dos Sonhos (1988) – Direção: Renny Harlin

Freddy Krueger retorna em busca de mais vítimas. Depois de matar todos os sobreviventes da rua Elm, ele consegue transferir seu poder para a amiga Alice Johnson (Lisa Wilcox) antes de sua morte. É a chance ideal para que Freddy se aproveite do poder recém-adquirido por Alice, usando-a para matar outras pessoas.

A Hora do Pesadelo 5: O Maior Horror de Freddy (1989) – Direção: Stephen Hopkins

Na sequência, após sobreviver ao último ataque de Freddy Krueger, Alice Johnson (Lisa Wilcox) tem um período de calmaria até voltar a ter sonhos com o assassino. Desta vez o alvo de Freddy não é Alice, mas o filho que ela carrega na barriga. Seu plano é usá-lo para que ele possa nascer outra vez.

A Hora do Pesadelo 6: Pesadelo Final – A Morte de Freddy (1991) – Direção: Rachel Talalay

Na sexta e última parte do pesadelo, Freddy Krueger continua matando crianças. Ele segue para uma nova cidade em busca de outras vítimas, mas é perseguido por sua própria filha, que é psicóloga infantil, e uma equipe de jovens decididos a matá-lo de vez. Há nesta sequência o retorno do personagem Glen Lantz, interpretado por Johnny Depp no primeiro filme da franquia.

A Hora do Pesadelo 7: O Novo Pesadelo (1994) – Dirigido por: Wes Craven

Filme que marca não apenas o retorno do icônico personagem Freddy Krueger, como também, de seu diretor original, Wes Craven. Na trama, realidade e fantasia se misturam de formas inquietantes e mostra o diretor Wes Craven e os atores Heather Langenkamp e Robert Englund retratando eles mesmos. Heather considera fazer um outro filme com Craven e então seu filho Dylan cai sob o feitiço do desfigurado Freddy Krueger.

EXTRA

Freddy X Jason (2003) – Direção: Ronny Yu

O filme traz um crossover entre Freddy Krueger e Jason Voorhees, dois dos maiores ícones do cinema de horror da década de 1980. O longa é 11ª sequência da franquia Sexta-Feira 13 e a 8ª de A Hora do Pesadelo. No filme, Freddy tornou-se incapaz de assombrar os sonhos das pessoas à medida que os cidadãos de Springwood, Ohio, se esqueceram dele após sua morte e subsequente prisão no Inferno por seus pecados. Para recuperar seu poder e liberdade, Freddy ressuscita Jason e o manipula a ir para Springwood para causar pânico e medo, levando a rumores de que Freddy retornou. No entanto, à medida que Jason consegue causar medo suficiente para que Freddy possa assombrar a cidade novamente, ele acaba irritando Freddy, ao privá-lo de potenciais vítimas. Isso acaba levando os dois monstros mortos-vivos a um conflito violento.

A Hora do Pesadelo (2010) – Direção: Samuel Bayer

É o reboot (ou remake) da franquia, que teve orçamento milionário e trouxe para o elenco atores conhecidos na atualidade como Rooney Mara (de Millennium: Os Homens que Não Amavam as Mulheres; e Ela) interpretando Nancy Holbrook, Katie Cassidy (das séries Arrow e Gossip Girl) como Kris Fowles e Jackie Earle Haley (de Watchmen) como o vilão Freddy Krueger. 

Aqui a história se repete e é baseada no longa original da franquia, na qual os adolescentes Nancy, Quentin, Kris, Jesse e Dean começam a ter o mesmo pesadelo com um homem desfigurado que usa uma luva feita de facas. 

LER MAIS

Indicados para você!

Hora do Pesadelo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Sexta Feira 13 - Arquivos de Crystal Lake
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Os Goonies - Classic Edition
R$ 39,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Medo ClássicoSéries

Netflix divulga teaser oficial da nova série sobre Drácula

Drácula, a nova série da Netflix dos mesmos criadores de Sherlock, teve seu teaser...

Por DarkSide
ListasLivros

Confira 13 dicas para acertar nos presentes de Natal

O fim de ano chegou e, junto com ele, a correria das compras de Natal e Amigo Secreto....

Por DarkSide
LançamentoVários

MeiaMeiaMeia: As meias Stance chegaram na DarkSide Books

Somos amantes da literatura, adoradores natos das palavras que nos transformam. Não...

Por DarkSide
DarkloveSéries

A Noiva Fantasma: Netflix libera trailer de série inspirada em livro da DarkSide

A Netflix anunciou a adaptação e o elenco da série A Noiva Fantasma, que contará...

Por DarkSide
ListasLivros

13 personagens femininas da DarkSide que você precisa conhecer

Durante muito tempo as mulheres ocuparam um lugar de pouco destaque na cultura pop....

Por DarkSide