Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


FilmesListas

8 Filmes de terror que eram curtas originalmente

Alguns horrores merecem persistir por mais tempo

12/01/2023

Já estamos mais do que acostumados com filmes de terror baseados em livros e casos reais. O Massacre da Serra Elétrica, clássico de 1974, alega ser inspirado nos crimes cometidos por Ed Gein. Advogado do Diabo, lançado em 1997, é uma adaptação do livro homônimo de Andrew Neiderman, que chegou recentemente aqui na Caveira. Psicose, O Bebê de Rosemary, Hellraiser… a lista é longa, vasta e macabra.

LEIA TAMBÉM: CONFIRA A ORDEM PARA ASSISTIR A TODOS OS FILMES DE HELLRAISER 

Mas e quando o filme é baseado nele mesmo? Dentro do gênero de terror, existe uma longa história de filmes que eram originalmente curtas-metragens. O assunto vem chamando a atenção com Sorria, um inesperado sucesso de bilheteria inspirado no curta de 2020, Laura Hasn’t Slept. Outro exemplo recente é Cerdita, de Carlota Pereda, baseado em um curta homônimo de 2018 da diretora.

E os exemplos não param por aí. Hoje a Caveira separou 8 títulos que ganharam a chance e foram transformados em longas. Quantos desses será que você já viu?

1. Quando um Estranho Chama (1979)

O filme mais antigo da nossa lista é um clássico que influenciou os slashers dos anos seguintes e tem uma das cenas de abertura mais assustadoras da história do cinema! 

Inspirada em uma lenda urbana conhecida como “A Babá e o Homem no Andar de Cima”, a história protagonizada por Carol Kane acompanha uma babá atormentada por misteriosas e agressivas ligações. O problema é que elas estão vindo justamente de dentro da casa onde ela está trabalhando. 

Quando Um Estranho Chama é baseado no curta A Babá, dirigido por Fred Walton dois anos antes, que forneceu grande parte das cenas iniciais do longa. 

2. Uma Noite Alucinante: A Morte do Demônio (1981)

Outro clássico que não existiria se não tivesse sido antecedido por um curta, Uma Noite Alucinante: A Morte do Demônio é resultado de uma aventura dos amigos Sam Raimi e Bruce Campbell

Em 1978, a dupla foi até a fazenda de um amigo onde foi gravado Within the Woods, curta de 30 minutos, estrelado pelo próprio Campbell. O objetivo era mostrar a potenciais investidores o que os dois eram capazes de fazer. 

Com um orçamento de menos de 2 mil dólares, o plano deu certo. Alguns anos depois, em 1981, a premissa de um grupo de amigos sendo atormentado por forças demoníacas em uma cabana remota se transformou em um dos filmes de terror mais amados de todos os tempos.

3. Jogos Mortais (2004)

Em 2004, Jogos Mortais chocou o público com suas cenas violentas e seu final chocante. Um ano antes do filme chegar nas telas do cinema, o roteirista Leigh Whannell e o diretor James Wan criaram um curta para financiar o projeto, acreditando que o recurso visual ajudaria na angariação.  

Intitulado retroativamente de Jogos Mortais 0.5, o curta com menos de 10 minutos é, na verdade, uma parte do roteiro original do longa. Whannell interpreta um homem sequestrado que acorda com uma armadilha de urso reversa. Parece familiar? Pois é mesmo. A cena foi refilmada no longa, só que dessa vez protagonizada por Shawnee Smith.  

Não precisamos nem dizer que deu muito certo, não é mesmo? Os investidores adoraram e deram 1 milhão de dólares para a dupla transformar o curta em um longa… que viria a render mais de 100 milhões nas bilheterias do mundo todo. 

LEIA TAMBÉM: 7 CURIOSIDADES SOBRE A FRANQUIA JOGOS MORTAIS

4. Contos do Dia das Bruxas (2007)

A antologia dirigida por Michael Dougherty é praticamente um item obrigatório em listas de filmes para o Halloween. Mas o que pouca gente sabe é que o filme que se tornou um queridinho dos fãs é inspirado em uma criação de 1996. 

Com quatro minutos de duração, Season’s Greetings foi concebido como um projeto para a faculdade de cinema de Dougherty e é a única animação da nossa lista. O curta é um delicioso conto de um garotinho que sai para pedir doces na noite do Halloween. Vestindo um pijama laranja e um saco de pano no rosto, em Contos do Dia das Bruxas ele se tornou Sam, uma entidade mística que protege a comemoração e suas tradições. 

5. O Babadook (2014)

O Babadook é provavelmente um dos filmes mais aclamados dos últimos anos. Acontece que demorou quase uma década para que a diretora australiana Jennifer Kent conseguisse transformar seu curta de 10 minutos, Monster, em um longa. 

Carinhosamente apelidado por Kent como “bebê Babadook”, Monster foi lançado em preto e branco em 2005. A história de ambos os filmes é muito similar: uma mãe solo e seu filho precisam enfrentar um monstro dentro de sua residência. 

A diretora conta que resolveu expandir o roteiro do curta porque seus investidores na Austrália achavam suas outras histórias muito ambiciosas. Isso a fez retornar para a narrativa de Monster, que era considerada menos dispendiosa. 

6. O Espelho (2013)

Mike Flanagan já é um velho conhecido dos fãs de terror, principalmente por suas minisséries como A Maldição da Residência Hill e Missa da Meia-Noite. Em 2012, Flanagan dirigiu O Espelho, que chegou em 2013 nos festivais de cinema.

Mas a história do filme começa em 2005, com um curta de 29 minutos intitulado Oculus: Chapter 3 – The Man with the Plan (detalhe: nunca existiu capítulo 1 ou 2). A ideia era bastante simples: um homem trancado em um cômodo com um espelho assombrado. Simples, mas extremamente eficaz. 

Logo, o diretor recebeu diversas ofertas para um longa. O problema foi que muitos produtores queriam um filme found footage, estilo que Flanagan achou que não combinaria com a história. Após algumas negociações, ele conseguiu o que queria e Oculus: Chapter 3 foi expandido para O Espelho. Sem found footage, é claro. 

7. Quando as Luzes se Apagam (2016)

O diretor David Sandberg precisou de apenas três minutos para aterrorizar o público e despertar o interesse de ninguém menos que James Wan. Seu curta Lights Out, lançado em 2013, contava a história de uma mulher sendo aterrorizada por algo no escuro. Afinal de contas, quem nunca teve medo do escuro, não é mesmo?

Wan assistiu e gostou. A premissa foi assim transformada e ampliada no homônimo Quando As Luzes Se Apagam, que chegou aos cinemas em 2016, dirigido pelo próprio Sandberg. 

lights out

8. No Cair da Noite (2003) 

E se a fada do dente fosse do mal? Essa é a premissa do curta Fada do Dente, dirigido por Joe Harris em 2001. A história de uma entidade maligna que persegue crianças foi exibida em diversos festivais até ter seus direitos comprados por um grande estúdio que a transformou no longa No Cair da Noite

O filme não foi dirigido por Harris e o curta acabou reimaginado como a cena de abertura, que é considerada por muitos fãs como a melhor parte do longa.

Nos menores frascos

Nossa lista acaba por aqui, mas isso não significa que não existam outros filmes baseados em curtas. Mama do diretor Andy Muschietti, lançado em 2013, é baseado em Mamá de 2008. A franquia japonesa O Grito, por exemplo, foi antecedida por Katasumi e 4444444444, também dirigidos por Takashi Shimizu e lançados em 1998 diretamente para a televisão. 

Em 2006, o diretor Paul Solet horrorizou o público com uma história de seis minutos sobre uma mulher vivenciando uma gravidez fora do convencional. Em 2009, o curta Grace foi transformado em O Mistério de Grace, que presumidamente fez dois homens desmaiarem durante sua estreia. 

Quem também estreou em uma produção mais breve foi o palhaço Art, o letal assassino da franquia Terrifier, que teve início em 2016. Três anos antes, ele apareceu na antologia All Hallow’s Eve, que incorpora dois curtas em uma fita de VHS assistida por uma babá chamada Sarah na noite de Halloween. Depois de uma campanha de financiamento coletivo, Art ganhou o primeiro longa para chamar de seu.

all hallow's eve
Ruthless Pictures/Divulgação

Os exemplos são intermináveis… Seja enquanto curtas ou longas, essas histórias nos assustam e não poderíamos amá-las mais. Mas uma coisa é certa: são nos menores frascos que existem as ideias mais aterrorizantes

LEIA TAMBÉM: TERRIFIER: O FENÔMENO CHAMADO ART, O PALHAÇO

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Psicose - Limited Edition + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
O Bebê de Rosemary + Brindes Exclusivos
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Advogado do Diabo + Brinde Exclusivo
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Graphic NovelListas

8 Histórias em quadrinhos nacionais que você precisa conhecer

Quadrinhos são uma fonte rica de informação, entretenimento e de estímulos para a...

Por DarkSide
FilmesResenha

Caveira Viu: O Menu

A alta gastronomia possivelmente nunca esteve tão em alta como nos dias de hoje....

Por DarkSide
CuriosidadesGraphic Novel

Por que ler quadrinhos faz bem ao cérebro?

Houve um tempo em que histórias em quadrinhos eram desprezadas no meio literário....

Por DarkSide
ListasMedo Clássico

A influência de Orlando: Uma Biografia no mundo das artes

Não é novidade para ninguém que Virginia Woolf era uma escritora tão à frente de...

Por DarkSide
FilmesGraphic NovelSéries

Conheça os filmes e séries que inspiraram Hailstone

Horror, ficção científica, ficção histórica, faroeste e mistério se misturam...

Por DarkSide