Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


DarkloveMagicae

Celebre o início da primavera

É hora de renascer

Entender o ciclo natural do ano é uma das bases do conhecimento de toda Bruxa Natural e isso inclui sentir e viver cada estação de forma pessoal. A Primavera está começando no Hemisfério Sul, trazendo a vida para dentro de nós e é importante honrar esse momento e celebrar o início de mais um ciclo.

As energias fluem de formas diferentes a cada estação e é fácil identificar isso em seu ambiente. Na Primavera, as plantas crescem mais rapidamente e as sementes saem da dormência, prontas para se abrir pra vida, mas isso não significa que todo mundo sente o começo da estação da mesma forma. Em seu livro Bruxa Natural, Arin Murphy-Hiscock afirma que:

“Embora as estações sejam determinadas pela posição astronômica do sol e da Terra (…) se uma outra data fizer mais sentido para você onde você mora e corresponde a como as diferenças sazonais se manifestam no seu ambiente, por que não as usar? Viver como uma bruxa natural é estar em sintonia com o seu entorno. Acatar uma data apenas porque é uma data padrão nem sempre faz sentido quando se trata de celebrar a mudança das estações. A primavera não precisa chegar todo ano na mesma data.”

LEIA TAMBÉM: 5 PEQUENAS ATITUDES PARA REVERENCIAR A NATUREZA

O início de cada estação é a hora perfeita para avaliar a sua vida, não apenas do ponto de vista pessoal como também para tomar decisões práticas, como fazer uma reforma na casa, cuidar do jardim ou colher o que foi plantado. Não é à toa que muito se fala sobre a “Limpeza de Primavera”, o momento em que nos desfazemos e desapegamos de coisas que já não nos fazem feliz ou que trazem sentimentos ruins.

Criar seus próprios rituais é prático não apenas porque cada bruxa tem sua vivência, mas também porque alguns rituais podem não fazer sentido para você. Isso significa que é hora de colocar a mão na massa e sentir como as energias fluem em seu ambiente.

Meditação de Primavera

Créditos: Pexels

A forma mais direta de se conectar com a natureza e sentir a energia do seu entorno é através da meditação. A cada estação você pode fazer pequenas variações que lhe permitam sentir como está a vida ao redor. O ideal é que você encontre um lugar calmo (se seguro) onde possa se sentar por um tempo em silêncio.

1. Sente-se confortavelmente e visualize uma energia verde emanando do chão e de tudo ao redor. Respire profundamente três vezes e sinta essa energia se espalhando pelo seu corpo. Conforme você expira, libere a tensão e as preocupações;

2. Permita que a sua energia pessoal se misture com a energia verde e se expanda pelo ambiente. Quando estiver confortável, sinta a energia do solo lhe envolvendo e aninhando em um abraço gentil;

3. Visualize as sementes acordando, as flores desabrochando e a vida entrando em um novo ritmo na primavera;

4. Quando sentir que é hora de voltar à consciência normal, ofereça à terra um presente em gratidão, um sentimento, uma emoção. Sinta a sua consciência se desprendendo da terra e voltando ao seu corpo;

5. Assim que se sentir totalmente consciente, é importante se aterrar, ou seja, conectar sua energia em equilíbrio com a terra. Respire fundo novamente e visualize uma pequena luz verde brilhando no centro do seu peito;

6. Visualize galhos saindo deste ponto de energia e se transformando em raízes pelo chão ao seu redor. Quando as raízes estiverem suficientemente fortes, permita que o seu excesso de energia escoe e se misture à terra, ou se permita nutrir da energia ao redor caso esteja precisando;

7. Levante-se devagar e faça pequenos movimentos para o corpo voltar ao ritmo normal.

O Poder das Flores

Normalmente usamos ervas para temperar e acrescentar poderes mágicos aos nossos alimentos, mas diversas flores também podem ser usadas de acordo com as suas preferências. Ficar atenta às flores que crescem naturalmente na sua região também faz parte do cotidiano da Bruxa Natural, afinal, receitas podem ser modificadas de acordo com a disponibilidade de ingredientes.

Créditos: Pexels

As flores mais usadas são:
Amor-perfeito;
Flor de macieira;
Lavanda;
Manjericão;
Menta;
Pétalas de rosa.

Algumas das formas mais comuns de utilização das flores são os chás (com as flores naturais ou desidratadas), óleos, tinturas e no próprio preparo das refeições. Importante lembrar que é preciso saber a procedência das flores e que não é recomendável usar as compradas em floriculturas porque podem ter sido tratadas com produtos químicos.

LEIA TAMBÉM: A MAGIA NA COZINHA DA BRUXA NATURAL

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Bruxa Natural + Brinde Exclusivo
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Grimório Oculto + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
FilmesListasMedo Clássico

10 curiosidades sobre Bela Lugosi que todo fã de terror deveria conhecer

Bela Lugosi definiu a forma como os vampiros são interpretados no cinema muito antes...

Por DarkSide
DarkloveDarklove ClassicsListas

Os principais temas de O Morro dos Ventos Uivantes

O tórrido romance entre Catherine e Heathcliff marcou gerações e inspirou muitas...

Por DarkSide
Crime SceneListas

Conheça 3 personagens inspirados no assassino BTK

Foram necessárias décadas para que a polícia finalmente desvendasse a identidade do...

Por DarkSide
Coven MagicaeMagicae

A descoberta da Bruxa que existe dentro de você!

Você sabia que a descoberta da Bruxa(o) que existe em você não depende de ninguém,...

Por Dani Petrucci
MacabraMagicae

Afinal, o que é considerado ocultismo?

O ser humano sempre teve uma necessidade insaciável de buscar respostas para aquilo...

Por Macabra