Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


ListasMedo Clássico

Coração das Trevas: 5 curiosidades sobre a obra e seu autor

O horror! O horror!

03/12/2021

No século XVII o Rei Leopoldo II da Bélgica orquestrou diversas incursões à África com o objetivo de “civilizar o povo”, mas a verdade é que ele só explorou o continente, levando dor ao povo e se apropriando de suas riquezas. Joseph Conrad, um marinheiro experiente, juntou-se a uma dessas incursões e lá presenciou o horror em todas as suas facetas. Anos depois Conrad escreveu um dos livros mais importantes do século baseando-se em seus diários da época, Coração das Trevas.

Em muitos momentos a história do livro se encontra com a de seu autor, servindo como um registro dos horrores mais profundos que habitam o coração humano. O tradutor Paulo Raviere aponta que o livro não é um simples relato da viagem, é “uma obra metafórica, simbólica, que durante todo o século gerou interpretações psicanalíticas, políticas, filosóficas, de estudos de gênero, culturais, pós-coloniais”.

LEIA TAMBÉM: “O HORROR! O HORROR!”: CORAÇÃO DAS TREVAS, POR JOSEPH CONRAD, CHEGA À DARKSIDE

Confira no DarkBlog 5 curiosidades sobre o autor e sua obra.

1. A maior parte de suas obras se passa no mar

Em 1894 Conrad abandonou a carreira de marinheiro para se dedicar à escrita, o que lhe rendeu 20 romances, sendo Coração das Trevas e Lord Jim os mais famosos. A maioria dos seus livros tem o mar como cenário e seus personagens mergulham em questões profundas, principalmente em questões relacionadas à sociedade.

2. Inspirou um clássico do cinema

Em 1979 Francis Ford Coppola lançou Apocalypse Now que, apesar de ser ambientado durante a guerra do Vietnã, traz muita influência de Coração das Trevas, como a missão de buscar um homem importante, a jornada em um barco, a destruição causada por outra civilização e a descoberta dos piores horrores presentes no coração humano.

Créditos: American Zoetrope

O filme foi bastante premiado e venceu o Oscar (Melhor Fotografia e Melhor Som), Festival de Cannes e BAFTA (Melhor direção e Melhor ator coadjuvante/secundário), além de ter sido indicado para vários outros prêmios.

LEIA TAMBÉM: COMO O HORROR DE CORAÇÃO DAS TREVAS INFLUENCIOU APOCALYPSE NOW

3. O sucesso veio depois

Embora hoje seja um livro muito famoso, respeitado e analisado no mundo inteiro, na época em que foi publicado ele não fez muito sucesso, recebendo pouca atenção dos críticos literários. As coisas começaram a mudar na década de 60, quando algumas escolas secundárias e universidades passaram a adotá-lo como uma de suas leituras básicas.

4. Adaptações

Desde seu lançamento a obra já foi adaptada para vários formatos. As adaptações mais famosas são: rádio por Orson Welles (1938), tv pela CBS (1958) e teatro por Larry Buttrose (1991). Dentre as obras inspiradas pelo livro, temos a música “Edge of Darkness” da banda Iron Maiden (1995), uma ópera composta por  Tarik O’Regan (2011) e um jogo de tiro em 3ª pessoa (Spec Ops: The Line, 2012).

Spec Ops: The Line

5. A obra já apareceu em outro livro da Caveira

Quem leu “O Último Adeus” deve se lembrar da forma desajeitada que Alexis e Damian se reencontraram, quando ela leva um empurrão de alguém no corredor da escola e derruba suas coisas no chão. O livro que ela deixa cair é o Coração das Trevas, que faz Damian exclamar “Ah, o horror!”, fazendo referência à famosa frase da obra.

Coração das Trevas é DarkSide® Books

A edição especial da DarkSide® Books é enriquecida pelas belas ilustrações de Braziliano, e conta ainda com os Diários do Congo, nos quais Conrad se baseou para a escrita do romance, um ensaio de Virginia Woolf sobre o autor, e um posfácio do pesquisador Carlos da Silva Jr.

“Na África, na Europa ou nas Américas, a disputa pela memória continua viva, vibrante, e a nova edição de Coração das Trevas nos ajuda a lembrar desse episódio sangrento e cruel na história da humanidade”.
Carlos da Silva Jr.

O som da mata densa emana ancestralidade. As palavras vivas de um clássico ainda pulsam na floresta. Culturas se entrelaçam e propagam um som que urge sobreviver. Escute agora a playlist da Caveira e deixe seu coração bater.

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Edgar Allan Poe: Medo Clássico Vol. 1
R$ 84,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Drácula - First Edition + Brinde Exclusivo
R$ 89,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CuriosidadesMacabraMedo Clássico

Lovecraft na cultura pop

Nascido em 20 de agosto de 1890, Howard Phillips Lovecraft é um nome bastante...

Por DarkSide
FilmesListas

12 Filmes que abordam os direitos dos animais

Filmes são poderosas ferramentas para despertar emoções. Capaz de nos conectar com o...

Por DarkSide
DarksidePerfil

Peter Straub: A síntese do horror e da beleza na literatura

Existem autores que conseguem explorar o terror muito além dos sustos, dos monstros e...

Por DarkSide
FilmesNovidades

Novo filme de O Corvo divulga as primeiras imagens

Depois de viver o palhaço Pennywise em It, Bill Skarsgård aparece pela primeira vez...

Por DarkSide
FilmesFirestar Videolocadora

Superstition: Um filme que irá testar sua descrença

Existe um ditado muito popular entre os colaboradores da Firestar Videolocadora e do...

Por Cesar Bravo