Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ

Crime Scene

H. H. Holmes: Por dentro da Feira Mundial de Chicago

Exposição de 1893 marcou os 400 anos da chegada de Colombo às Américas.

Para construir seu hotel dos horrores, H. H. Holmes tinha a desculpa perfeita: Chicago iria sediar a Exposição Universal de 1893, que marcaria os 400 anos da chegada de Cristóvão Colombo ao Novo Mundo. Também conhecido como Feira Mundial de Chicago, o evento mobilizou toda a cidade e recebeu milhões de pessoas.

LEIA TAMBÉM: H. H. HOLMES: MALIGNO — O PSICOPATA DA CIDADE BRANCA

A maior parte da Feira se concentrou no Parque Jackson, onde uma piscina enorme foi construída para simular a navegação de Colombo antes de chegar ao continente. Chicago desbancou outras cidades importantes dos EUA, como Nova York e Washington para sediar um evento com forte influência social e cultural, além de ser um marco para a arquitetura mundial.

Com uma área de quase 3km², a Feira Mundial de Chicago atraiu mais de 27 milhões de pessoas ao longo de seis meses, período em que foi aberta ao público. O recorde de visitantes ocorreu no dia 9 de outubro de 1893, no último mês do evento, ultrapassando 750 mil pessoas apenas naquela data.

O apelido de Cidade Branca surgiu ali

Se você alguma vez já ouviu alguém e referir a Chicago como a Cidade Branca, a Exposição Universal é a responsável por isso. Um dos muitos temas e propósitos do evento tinha a ver com arquitetura e, graças ao conceito do arquiteto-chefe Daniel Burnham, a cidade ganhou uma nova aparência.

Burnham se inspirou na grandiosidade e romance do classicismo das Belas Artes para evocar uma arquitetura sólida para uma cidade ainda jovem e sem uma identidade arquitetônica definida. Embora a maioria dos prédios erguidos para a Feira fossem temporários, eles serviram de inspiração para nortear o projeto arquitetônico da cidade no início do século 20.

Aliás, não apenas para Chicago a influência arquitetônica foi forte. O movimento de dar uma identidade a cidades através de imponentes prédios públicos se difundiu por outros lugares do país e até em outros continentes. Um exemplo conhecido é o da cidade de Washington, que passou por uma remodelagem arquitetônica iniciada em 1902.

Atrações e novidades apresentadas na Exposição Universal

A arquitetura não foi o único tema que definiu a importância da Exposição Universal de Chicago em 1893. O evento é conhecido até hoje por ter apresentado ao mundo uma atração bem popular até hoje em parques de diversão e pontos turísticos: a roda-gigante.

Aliás, foi esta invenção que salvou a Feira da falência. A expectativa era grande pela novidade construída pelo magnata do aço e construtor de pontes George Washington Gale Ferris Jr., que estreou em junho, no segundo mês do evento. O objetivo da roda-gigante era criar uma atração tão significativa que rivalizasse com o destaque da Feira de Paris de 1889: a Torre Eiffel.

A invenção de Ferris, que na língua inglesa leva o seu nome, era uma maravilha da engenharia: tinha mais de 80 metros de altura e comportava 2.160 pessoas ao mesmo tempo. Para dar um passeio na roda-gigante o ingresso custava 50 centavos – o dobro do preço para entrar na Exposição. A atração fez tanto sucesso que, além de salvar as finanças do evento, ela permaneceu em operação em Chicago por mais 10 anos, até ser vendida aos organizadores da Feira Mundial de St. Louis de 1904.

Mas esta não foi a única estreia naquele ano. Algumas invenções bem importantes e que fazem parte do nosso dia a dia até hoje foram apresentadas ao mundo pela primeira vez na Feira de Chicago. São elas: o creme de leite, o chiclete de frutas, a aveia em flocos, a máquina de lavar louça, lâmpadas fosforescentes, tinta spray e o zíper. Dá pra imaginar um mundo sem tudo isso?

Assassinatos cometidos durante a Exposição Universal de Chicago

Um legado sangrento também foi deixado pela Exposição: as mortes de hóspedes do hotel de H. H. Holmes. Construído de forma que funcionasse como um labirinto e ao mesmo tempo uma armadilha, o empreendimento recebeu o infame apelido de Hotel Infernal, o que condiz muito bem com os horrores que aconteciam lá dentro.

LEIA TAMBÉM: 10 CURIOSIDADES SOBRE H. H. HOLMES, O PRIMEIRO SERIAL KILLER DOS EUA

Pessoas que se dirigiram a Chicago com o objetivo de visitar a feira acabaram se hospedando no hotel. Lá, algumas foram torturadas, mutiladas e assassinadas, sem que o restante do público suspeitasse de algo. 

Apesar dos crimes de Holmes só terem sido descobertos após o encerramento da Feira, acredita-se que ele foi responsável pela morte de dezenas de pessoas naquela ocasião e que ele tenha sido responsável pelo assassinato de outras 200 em todo o país antes da matança em Chicago, que culminou com a sua prisão em 1894.

O personagem é o tema do livro H. H. Holmes: Maligno – O assassino da Cidade Branca, de Harold Schechter, publicado no Brasil pela DarkSide® Books. Ele também faz uma aparição em outra publicação da Caveira, no primeiro volume da trilogia Chronos: Viajantes do Tempo, de Rysa Walker.

Mas os assassinatos de H. H. Holmes não foram os únicos que marcaram a Exposição Universal de Chicago. Em 28 de outubro de 1893, a apenas dois dias do fim do evento, o prefeito recém reeleito de Chicago, Carter Harrison Sr., foi morto a tiros por Patrick Eugene Prendergast, que achava que o prefeito lhe devia um cargo na prefeitura. Com a cidade inteira em choque, a organização do evento decidiu que seria melhor cancelar a cerimônia de encerramento em respeito à memória do prefeito.

4 Comentários

  • Camila

    27 de julho de 2020 às 17:33

    Ótimas curiosidade sobre a história e também sobre o livro, aguardando para poder comprar o meu exemplar,adoro as edições da Darkside são lindos e muito bem feitos.

    • DarkSide

      28 de julho de 2020 às 10:55

      Caveirinha agradece o carinho. Em breve o livro estará entre nós.

  • Ana Lúcia

    28 de julho de 2020 às 07:44

    Que reportagem boa, surpreendente, informativa. Escrita de maneira inteligente, parecia uma página de livro daqueles mais deliciosos de se ler.

    • DarkSide

      28 de julho de 2020 às 10:54

      Caveira agradece o carinho!

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Psicopata Americano + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Os Bons Companheiros + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
FilmesListas

10 Pais que tocam o terror nos filmes

Alguns deles enfrentam monstros e forças sobrenaturais para proteger a sua família....

Por DarkSide
Darkside

Uma história sobre Antologia Dark e Stephen King

Por Everaldo Rodrigues Há algum tempo, tempo esse que não preciso especificar aqui,...

Por DarkSide
PromoçãoVários

Combo Dark: 3 Livros, 3 Filmes e 3 Videoclipes sobre Lady Killers

Quando pensamos em serial killers normalmente pensamos em homens, mas as mulheres podem...

Por DarkSide
Crime SceneListas

Social Killers: Cuidado com quem você conhece on-line

A Internet pode ser um lugar maravilhoso para manter contato com amigos, fazer...

Por DarkSide
DarksideFilmesLivros

Diretor de ‘Coração Satânico’, Alan Parker, morre aos 76 anos

O cineasta britânico Alan Parker, conhecido pela direção de filmes como “O...

Por DarkSide