Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


FilmesFirestar Videolocadora

Next of Kin: Mais perto do horror do que você imagina

Terror psicológico underground

21/06/2024

Uma das formas mais efetivas para que um filme, um livro, ou outra produção artística consiga deixar o underground e encontre seu público é o elogio de um artista renomado. Se esse artista for alguém do gabarito de Stephen King, George Martin, Neil Gaiman ou Quentin Tarantino, o caminho fica ainda mais curto. Para a coluna de hoje, trouxemos outro filme bastante recomendado pelo senhor Tarantino, então esperamos ter chamado a sua atenção para essa matéria. 

next of kin

Classificado como um filme de terror psicológico, o australiano Next of Kin chegou às telas em 1982, coescrito e dirigido por Tony Williams. Por aqui o filme recebeu o nome genericão e de gosto duvidoso: Terror Fatal (Mais Próximo do Terror).

LEIA TAMBÉM: PIN: UM TRAUMA FEITO DE LOUCURA E PLÁSTICO

Começamos nosso pesadelo com uma mulher jovem do lado de fora de uma pick-up. Ela tem sangue nas roupas, um olhar perdido, mas não conseguimos saber se está ferida, ou se o sangue é de outra pessoa. Parece ter alguém dentro do carro, mas não é possível ter certeza, muito menos se essa pessoa está viva ou morta. O que sabemos é que a mulher está atordoada, ela chora, e uma narração invade a cena citando uma herança deixada em testamento. A mulher atordoada volta para o carro e nos deixa sem mais respostas.

next of kin

Agora estamos com a mesma mulher, no mesmo carro, mas ela está sem ferimentos, ela sorri, e nós entendemos que se trata de um outro tempo (talvez seja passado). Existe um menino com ela, ele também parece feliz enquanto o carro avança pelas pradarias australianas. Na sequência, descobrimos que a mulher dirigindo é Linda Stevens, e ela acaba de receber uma herança de sua mãe não tão próxima que faleceu.

next of kin

Linda chega à propriedade e começa a se inteirar com o que agora lhe pertence. A casa, os móveis, as coleções e as peculiaridades do lugar. Um desses elementos é o diário de sua mãe, Mary Stevens, e ela se interessa por ele em um primeiro momento. Chove forte, Linda ainda está se habituando à casa, aos ruídos e aos moradores que a ajudam com a manutenção da propriedade. Não somente a esses moradores, haja visto que a propriedade também é uma casa de repouso para idosos. Na mesma noite de tempestade, Linda recebe uma nova pensionista, Senhora Ryan, trazida pelo seu filho Kelvin. Ao final da noite, Linda descobre no diário da mãe que pode existir (ou ter existido) uma estranha presença perambulando pelos cômodos da casa.

next of kin

Nesse ponto do filme existe um tom onírico interessante, como se Linda estivesse alternando pesadelos e realidade (uma especialidade de outro diretor muito conhecido no gênero, o mestre Dario Argento). A habilidade da direção nos posicionamentos de câmera também chama atenção, os enquadramentos, as sequências em slow motion, tudo é muito eficiente e contribui para a imersão no filme, nos deixando sempre atentos a qualquer novo detalhe.  

next of kin

A tranquilidade termina de vez quando um dos idosos é encontrado morto na banheira. A cena é bastante realista e incômoda, justamente por não ser apelativa, mas muito próxima ao real. O homem que encontrou o idoso na banheira, outro pensionista, sofreu um derrame devido ao choque, e agora exige cuidados médicos. 

next of kin

Sobrevivendo a outros acontecimentos estranhos na casa, Linda se envolve com um amor do passado, Barney, e ele é como um gole de ar fresco com toda tensão acumulada pela nossa protagonista.

next of kin

Outra boa notícia é que o idoso que sofre o derrame, Lance, consegue se recuperar, e em uma conversa Lance sugere que Rita, tia falecida de Linda que no passado morava da mesma casa, não está morta. Linda começa a suspeitar que Rita pode estar mesmo viva (existem recibos de pagamentos endereçados aos cuidados dela), e nesse meio-tempo, Carol, uma amiga de Linda, parte com o carro na clínica com alguma pessoa desconhecida dirigindo e desaparece depois disso.

next of kin

Linda está cada vez mais convencida que alguém ou alguma coisa está mexendo com sua mente, atacando a casa, as pessoas queridas, e a mantendo em um estado de intranquilidade que pretende expulsá-la da casa. No diário da mãe, confissões parecidas, ela parece ter sido atacada mentalmente da mesma forma. Connie, a governanta da casa, é outra personagem sob suspeita, tanto ela quanto o médico, Dr. Barton, que atende no lugar e parece esconder segredos do passado. A mãe confessa repetidamente no diário: “… existe algo maligno nessa casa, algo que vive e respira nosso mesmo ar”.

next of kin

Em outros diários e antigos livros de registro, Linda descobre que várias pessoas morreram na mesma casa em circunstâncias suspeitas, inclusive afogamentos na banheira. Memórias de infância começam a ser desbloqueadas. A suspeita sobre Dr. Barton e Connie se intensifica.

LEIA TAMBÉM: A MORTE PEDE CARONA… E ELA SENTA NO BANCO DA FRENTE

Depois de um surto nervoso, Linda divide suas preocupações e suspeitas com Barney, e ele diz acreditar nela, o que finalmente a acalma. Nesse ponto, estamos absolutamente confusos, porque apesar de tudo, o médico e a governanta não parecem mal intencionados, eles parecem apenas receosos em dividir o passado daquela casa com Linda. Nessa mesma noite, Linda encontra o cadáver de sua amiga Carol com a garganta cortada, e em seguida, percebe que existe um assassino à solta, e que talvez, apenas talvez, ela não esteja perdendo o juízo. 

next of kin

A fim de não deixarmos spoilers fatais, vamos parando por aqui, e fica a recomendação para esse ótimo filme. Apesar da execução lenta em algumas partes, Next of Kin entrega um filme de suspense muito bom, com pitadas de terror que tornam o passeio bem mais verdadeiro. Se você procura menos sustos e muita tensão, esse é um ótimo filme para uma noite monótona. E convém se preparar para os momentos finais desse filme: Next of Kin entrega tudo e mais um pouco antes da subida dos créditos, executando um final digno da apreciação de qualquer devoto do horror. 

Prontos para o trailer? Lá vai!

LEIA TAMBÉM: TETSUO: EM BREVE SEU CÉREBRO TAMBÉM SERÁ DE METAL

Sobre Cesar Bravo

amplificador cesar bravoCesar Bravo é escritor, criador de conteúdo e editor. Pela DarkSide® Books, publicou Ultra Carnem, VHS: Verdadeiras Histórias de Sangue, DVD: Devoção Verdadeira a D., 1618 e Amplificador.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Ultra Carnem
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
1618 + Brinde Exclusivo
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Ela Não Pode Confiar

    Wicked
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CuriosidadesFilmes

Você sabia que Viagem Maldita foi inspirado num caso real?

Não existe nada mais aterrorizante do que um filme de terror baseado em uma história...

Por DarkSide
FilmesFirestar Videolocadora

Dark Night of the Scarecrow: Frank De Felitta como você nunca imaginou

Vocês já pararam para se perguntar de onde vem nosso fascínio pelos filmes antigos?...

Por Cesar Bravo
DarksideMúsica

Celebre os Heróis do Blues, Jazz & Country com essa playlist

Além de um ilustrador brilhante, Robert Crumb era um apaixonado pela música dos anos...

Por DarkSide
Crime SceneCuriosidades

Crianças podem ser consideradas psicopatas?

O ser humano é mau até que prove o contrário ou ele nasce bom e a sociedade o...

Por DarkSide
Crime SceneCuriosidadesProfissionais da Morte

4 Profissões da morte que você não imaginava que existiam

Você já pensou em trabalhar diretamente com a morte? Quando pensamos em...

Por DarkSide