Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ

Cine Book ClubSéries

Stranger Things e as crianças das caixas de leite

Como o desaparecimento do personagem Will Byers na série teve inspiração em um movimento crescente da década de 1980

A data é 6 de novembro de 1983, dia em que Will Byers (Noah Schnapp) desapareceu da cidade de Hawkins para dentro do Mundo Invertido. Na primeira temporada de Stranger Things, o repentino sumiço do personagem desencadeou uma sequência de eventos sinistros e é considerado um marco na história da série. Não é a toa que a Netflix escolheu esta data como o Stranger Things Day – um dia para os fãs celebrarem esta cultuada produção de ficção-científica.

Se rebobinarmos um pouco ao início da série, veremos que após o desaparecimento de Will, sua mãe Joyce Byers (Winona Ryder) – em uma tentativa desesperada de encontrá-lo – estampa a foto do filho em cartazes por diversos locais da cidade fictícia de Hawkings. Posteriormente, o mesmo acontece com o sumiço da personagem Barbara Holland (Shannon Purser), que toma proporções ainda maiores chegando a ter sua foto impressa até nas caixas de leite da região. 

LEIA TAMBÉM: O MUNDO INVERTIDO DE STRANGER FANS

Recentemente a DarkSide® Books publicou o livro Stranger Fans — A década de 80 no universo da série Stranger Things, uma homenagem à narrativa criada pelos Irmãos Duffer que mostra quão imersa está a produção na cultura dos anos 1980. E as referências que inspiraram a série extrapolam o lado ficcional, apresentando também um embasamento real da época; um medo que assombra muitos pais até os dias de hoje: o rapto de crianças. 

O desaparecimento de Etan

O movimento de fotos de crianças em produtos lácteos – mostrado na primeira temporada de Stranger Things – teve início nos Estados Unidos na década de 1980, com uma forte campanha que se espalhou pelo país. Tudo começou quando grupos de defesa começaram a distribuir panfletos em escolas com fotos de crianças que haviam sido levadas de casa por pais não tutelados, com o objetivo de encontrá-las mesmo quando matriculadas sob falso nome. A iniciativa ganhou força e passou a incluir fotos de todas as crianças desaparecidas nos materiais. Na época, um punhado de sequestros de alto perfil aterrorizava o público, entre eles o de Etan Patz.

Na manhã de 25 de maio de 1979, Etan Kalil Patz, com 6 anos de idade, saiu de casa para ir ao colégio sozinho pela primeira vez. Era uma caminhada de apenas dois quarteirões até o ônibus da escola, mas ele nunca chegou a embarcar no transporte. A ausência do menino não passou despercebida na escola, mas foi somente quando ele não retornou para casa à noite que sua mãe reportou seu desaparecimento para a polícia. 

Movido pelo desespero, o pai de Etan, o fotógrafo Stan, decidiu colocar retratos do filho em diversos materiais, chegando até nas caixinhas de leite. Não está claro, entretanto, qual empresa de laticínio surgiu com a ideia, ou se este foi realmente o primeiro caso de desaparecimento a ser estampado em produtos. Muitos apontam que o rosto do menino desaparecido de Iowa, Johnny Gosh, foi o primeiro a ser impresso em embalagens. Outros afirmam que foi o de Mellody Dairy de Wisconsin.

O fato é que Etan pode não ter sido o primeiro, mas com a comoção gerada após seu desaparecimento, seu caso foi o responsável por fazer dessa campanha uma ação difundida na década de 1980.  

Retrospectiva da campanha

O livro Stranger Fans, da DarkSide, traz um resumo de como a procura por crianças desaparecidas atingiu grandes proporções nos anos 1980 após a impressão de fotos em caixas de leite e como isso também inspirou um dos acontecimentos centrais da série. A seguir, você encontra alguns destes fatos cronologicamente listados: 

5 de setembro de 1982 – Johnny Gosh, 12 anos, desaparece ao entregar jornais.

12 de agosto de 1984 – Eugene Martin, de 13 anos, desaparece ao entregar jornais.

Setembro de 1984 – Anderson Erickson Dairy em Des Moines, começa a colocar fotos e biografias curtas dos dois meninos nas laterais de embalagens de leite. Uma semana depois, a Prairie Farms Dairy, também em Des Moines, decide replicar a ideia.

Novembro de 1984 – Walter Woodbury, vice-presidente da Hawthorn Mellody Dairy de Wisconsin, vê as caixas de papelão de Anderson Erickson durante uma viagem a Iowa e apresenta a ideia à divisão de jovens do Departamento de Polícia de Chicago.

Dezembro de 1984 – Steven Glazer, chefe de gabinete do Estado da Califórnia (e futuro governador), lê um artigo de jornal sobre o programa de embalagens de leitura de Chicago e fala para o governador da Califórnia promovê-lo como um programa estadual.

Janeiro de 1985 – As primeiras caixas de leite com fotos de crianças desaparecidas de Chicago aparecem com um alcance estimado de aproximadamente 2 milhões de caixas por mês. 

Janeiro de 1985 – O Conselho Nacional de Segurança Infantil anuncia seu próprio programa inspirado na campanha da Califórnia.

Março de 1985 – Mais de setecentos laticínios se envolvem na campanha e 1,5 bilhão de caixas de leite com imagens de crianças desaparecidas são distribuídas em todo o país.

Abril de 1985 – O Conselho Nacional de Segurança Infantil anuncia que os avistamentos relatados de crianças desaparecidas aumentaram em mais 30%.

Indicados para você!

Stranger Fans - DRK.X
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
STAR WARS: DARK EDITION - DRK.X
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Breaking Bad
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CaveirinhaListas

Brincadeiras infantis para entreter os pequenos em casa

O isolamento social tem sido fundamental neste momento para reduzirmos o avanço do...

Por DarkSide
FilmesGraphic Novel

Ritual Romano vai ganhar uma adaptação para TV

Segundo o site Variety o diretor de cinema espanhol, Paco Plaza, vai escrever e dirigir...

Por DarkSide
DarkloveListasMacabra

Por que mansões vitorianas parecem mal-assombradas

Mansões antigas e situadas em locais distantes, principalmente de difícil acesso,...

Por DarkSide
DarkSide BooksVários

Diário da Caveira: uma narrativa sobre o isolamento

Assim como vocês, a Caveira também precisou se recolher. O lugar escolhido foi uma...

Por DarkSide
DarksidePerfil

Andrew Pyper: conheça a carreira do escritor

Considerado um dos mais talentosos sucessores de Stephen King, Andrew Pyper é definido...

Por DarkSide