Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


DarksidePerfil

Thomas Olde Heuvelt, um adorador de tudo o que é sinistro e macabro

Escritor holandês premiado mistura bruxaria e tecnologia no livro HEX, publicado pela DarkSide® Books.

Thomas Olde Heuvelt, nasceu em 16 de abril de 1983, em Nijmegen, Holanda. Jovem escritor, ele vive em uma pacata cidade cercada por uma densa e sombria floresta. Os caminhos que ele precisa percorrer diariamente entre as folhas, moinhos e lagos o inspiraram a criar uma história macabra que, com sua originalidade e solidez, conseguiu tocar os corações assombrados dos mestres Stephen King, Joe Hill e George R.R. Martin.

Sempre apaixonado por livros, Heuvelt optou por estudar literatura inglesa e americana, curso que realizou na Radboud Universiteit Nijmegen e na Universidade de Ottawa, no Canadá, onde morou por meio ano. Em muitas entrevistas, o escritor já comentou que os heróis literários de sua infância foram Roald Dahl e Stephen King, que influenciaram a sua admiração pela ficção sombria e pelo terror. Mais tarde, ele descobriu também as obras de uma ampla gama de escritores contemporâneos, como Jonathan Safran Foer, Carlos Ruiz Zafón, Neil Gaiman e Yann Martel. Seu primeiro livro, De Onvoorziene (em holandês), foi escrito quando ele tinha apenas dezesseis anos, e publicado com uma pequena tiragem em 2002. 

Em 2004, lançou a obra chamada PhantasAmnesia (em holandês), sua primeira pincelada no gênero do horror. Posteriormente, escreveu o conto The Boy Who Cast No Shadow, texto responsável por garantir múltiplos prêmios e indicações a Heuvelt, como o Paul Harland de melhor obra holandesa de ficção fantástica (2009 e 2012), e o Science Fiction & Fantasy Translation Awards, em 2012. A história também foi nomeada para o Prêmio Hugo de Melhor Noveleta em 2013. No ano seguinte, ele foi indicado ao World Fantasy Award com a obra The Ink Readers of Doi Saket (em holandês) e acabou vencendo o Hugo Fantasy Award em 2015 com o seu The Day the World Turned Upside Down.

No Brasil, Thomas Olde Heuvelt chegou pela DarkSide® Books com o seu romance de estreia, HEX, que foi traduzido para nove idiomas e publicado em catorze países, entre os quais EUA, França, China e Austrália. HEX se passa em uma cidadezinha chamada Black Spring, onde a assustadora bruxa Katherine aparece aleatoriamente para aterrorizar a vida dos moradores. Mas não pense que este é mais um livro clássico sobre bruxas, pois o terror aqui é contemporâneo. Mesmo com a atmosfera medieval da cidade, os cidadãos dela criaram um aplicativo e um site para registrar e divulgar as aparições da bruxa, algo perfeitamente plausível para os dias de hoje.  

HEX chamou tanta atenção quando publicado que até o mestre do terror, Stephen King, twittou sobre o livro chamando-o de “algo brilhantemente original”. Em entrevista ao blog Boca do Inferno, Heuvelt contou onde encontrou inspiração para a sua história macabra: “Principalmente com as histórias As Bruxas, de Roald Dahl, e A Bruxa de Blair. O primeiro me traumatizou quando criança, o segundo mexeu comigo quando adolescente. Desde então, eu quis escrever minha própria história de bruxa má.”

Com costuras em seus olhos e correntes nos braços, Katherine aparece nos lugares mais improváveis quando bem entende, sussurrando a morte para quem chega perto o suficiente para ouvir. Assim como a Morte Vermelha, de Edgar Allan Poe, ela enfeitiçou a alma da cidade de forma que escapar não é uma opção: quem se afasta demais tem a mente invadida por pensamentos suicidas, e muitos não retornam para contar a história.

Apesar de se considerar um adorador de histórias sinistras e macabras, quando o assunto é a crença no sobrenatural, Thomas confessou em entrevista à VEJA não acreditar em tudo o que ouve por aí. Para ele, histórias de fantasmas e de possessões demoníacas parecem distantes demais de sua realidade, pois nunca compartilhou da mesma experiência (até hoje) e geralmente são originadas a partir de relatos indiretos. Ainda assim, o escritor acredita que o medo do desconhecido pode influenciar muito as pessoas. HEX, inclusive, levanta a questão de que a maldade humana muitas vezes pode ser instigada a partir desse medo.

LEIA TAMBÉM: 5 LIVROS DA DARKSIDE® PARA AMPLIAR O SEU ENTENDIMENTO SOBRE BRUXAS

Thomas esteve no Brasil em 2018, na booktour promovida pela DarkSide, levando a maldição de Katherine por diversos estados do país. Você é fã de histórias sobrenaturais ou sobre bruxas? Então HEX é uma ótima opção de leitura.  

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Francis + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Wytches
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Hex
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Crime SceneListas

Conheça 3 personagens inspirados no assassino BTK

Foram necessárias décadas para que a polícia finalmente desvendasse a identidade do...

Por DarkSide
Coven MagicaeMagicae

A descoberta da Bruxa que existe dentro de você!

Você sabia que a descoberta da Bruxa(o) que existe em você não depende de ninguém,...

Por Dani Petrucci
MacabraMagicae

Afinal, o que é considerado ocultismo?

O ser humano sempre teve uma necessidade insaciável de buscar respostas para aquilo...

Por Macabra
Cine Book ClubFilmes

Horror Noire: Shudder divulga trailer de novo filme

A Shudder, plataforma focada em streaming de conteúdos de terror/horror, lançou o...

Por DarkSide
FilmesHalloweenMacabra

Scream Queens em Família: Jamie Lee Curtis e Janet Leigh

Dizer que Halloween e Psicose são filmes família é uma afirmação estranha. Mas de...

Por Macabra