Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


FilmesListasMedo Clássico

10 Adaptações e filmes inspirados em Frankenstein

Ele está vivo e eternizado nestas produções

15/05/2023

Frankenstein é provavelmente uma das obras de horror e ficção científica que mais vezes foi adaptada para as grandes e pequenas telas. Mesmo depois de dois séculos de sua primeira publicação em 1818, o romance escrito por Mary Shelley é continuamente adaptado e reimaginado nos mais diferentes meios midiáticos. Victor Frankenstein e sua monstruosa Criatura nunca estiveram tão vivos, saindo das páginas da literatura para protagonizar filmes e séries de televisão dos mais diversos estilos. 

LEIA TAMBÉM: FRANKENSTEIN NA CULTURA POP

A jornada do cientista que cria vida e não consegue lidar com as consequências disso foi apropriada por múltiplos estúdios, gerando um mar de adaptações e novas versões, algumas mais próximas do livro, outras nem tanto. 

Para comemorar que a obra-prima de Mary Shelley voltou a caminhar entre nós aqui na DarkSide® Books em Frankenstein: Monster Edition, a Caveira separou 10 adaptações de uma das histórias mais famosas de todos os tempos que você precisa conferir! 

1. Frankenstein (1931)

Embora a produção dirigida por James Whale não seja a primeira adaptação do livro (houve pelo menos três curtas antes, incluindo um de 1910 produzido pela Edison Studios), nem sua versão mais fiel, ela é certamente uma das mais famosas

boris karloff em frankenstein 1931

Vindo diretamente da Universal Studios, a clássica versão em preto e branco inaugurou (junto com Drácula de Tod Browning) os famosos Monstros da Universal. Em um dos papéis mais marcantes de sua carreira, Boris Karloff brilha como a monossilábica Criatura, abandonada à própria sorte por seu criador. A maquiagem de Karloff, feita por Jack Pierce, se tornou o visual mais icônico e popular do Monstro, sendo reproduzida até os dias atuais e o filme deu origem a uma das sequências mais famosas do horror: A Noiva de Frankenstein (1935). 

2. A Maldição de Frankenstein (1957)

Na década de 1950, diversos monstros clássicos ganharam novas (e sangrentas) versões nas mãos do estúdio britânico Hammer e não é surpreendente o fato de Frankenstein ter sido o primeiro. Podemos até dizer que se trata de um poético retorno a sua terra natal… 

a maldição de frankenstein

A Maldição de Frankenstein foi o primeiro filme de horror em cores da Hammer Studios, abrindo porta para novas adaptações de Drácula (1958) e A Múmia (1959). Com a icônica dupla Peter Cushing e Christopher Lee nos papéis de Victor Frankenstein e de sua Criatura, respectivamente, o filme dirigido por Terence Fisher é um dos primeiros a centrar novamente a história no cientista arrogante e sem escrúpulos que dá nome ao romance de Shelley. Embora não tenha sido muito bem recebido pelos críticos, o filme foi um sucesso de bilheteria e gerou mais seis sequências, cinco delas protagonizadas por Cushing como o imoral cientista.

3. Carne para Frankenstein (1973)

Lançado em 1973 sob direção de Paul Morrissey, mais conhecido por suas colaborações com Andy Warhol, Carne Para Frankenstein é o filme ideal para quem procura uma versão camp, perversa e absurda da história. 

carne para frankenstein

Originalmente exibido em 3D para que os espectadores fossem confrontados com entranhas e cabeças decepadas, o filme traz Udo Kier como o Barão Frankenstein, um cientista fascista determinado a criar dois seres perfeitos a partir de cadáveres humanos. Seu objetivo é nefasto: manter as criações sob seu controle e fazê-las se reproduzirem, gerando assim a raça perfeita. Carne Para Frankenstein é sangrento, satírico e um entretenimento de primeira para quem gosta de filmes exploitation

LEIA TAMBÉM: POR QUE FRANKENSTEIN É CHAMADO DE PROMETEU MODERNO?

4. O Jovem Frankenstein (1974)

Provando que não só de horror vive a história de Frankenstein, em 1974 Mel Brooks dirigiu a comédia O Jovem Frankenstein. A paródia protagonizada por Gene Wilder como o Dr. Frederick Frankenstein é uma colcha de retalhos de antigos filmes de horror da Universal ao mesmo tempo em que presta uma grande homenagem à produção de 1931 e ao livro de Mary Shelley.

o jovem frankenstein

Exibido em preto e branco, O Jovem Frankenstein conta a história de Frederick, o neto de Henry Frankenstein que volta para a Transilvânia para inspecionar a propriedade que acabou de herdar.  Lá, ele descobre o processo de reanimação de cadáveres e segue os passos do avô. Além de Wilder, integram o elenco: Peter Boyle como o Monstro (que dessa vez aparece com um zíper no pescoço, afinal era a Universal quem detinha os direitos dos parafusos) e Marty Feldman, como Igor, o icônico assistente corcunda.

5. Frankenstein, o Monstro das Trevas (1990)

Frankenstein com viagem no tempo? Sim, isso existe! Dirigido por Roger Corman em seu último trabalho ocupando a cadeira de direção, Frankenstein, O Monstro das Trevas traz John Hurt como o dr. Buchanan, um engenhoso inventor de armas que é sugado por uma fenda temporal, o que o faz sair de 2031 e parar na Genebra de 1817

frankenstein o monstro das trevas

O mais fascinante de Frankenstein, O Monstro das Trevas é a metalinguagem, já que no passado Buchanan não apenas encontra Victor Frankenstein e seu Monstro, como também a própria Mary Shelley e seu companheiro, Percy. É também difícil resistir a Raul Julia, nosso eterno Gomez Addams, como o inescrupuloso e narcisista cientista. 

6. Frankenstein de Mary Shelley (1994)

Considerada uma das adaptações mais próximas ao romance, Frankenstein de Mary Shelley traz Kenneth Branagh (que também dirige o filme) como Victor e Robert De Niro como o Monstro, além de Helena Bonham Carter como Elizabeth, a noiva do cientista. 

frankenstein de mary shelley

Diferente de outras versões, o filme traz momentos do livro que nunca haviam sido adaptados anteriormente e parte de uma narrativa semelhante à de Shelley, iniciando com um isolado Victor narrando os eventos passados para a tripulação de um navio no Oceano Ártico. A produção traz à tona muitos dos temas levantados pelo romance e se afasta do subgênero “filme de monstro”, apresentando uma Criatura muito mais sofrida, inteligente e que desperta a simpatia do público. 

7. Frankenstein (2004)

Com quase 3h30 de duração, a minissérie de 2004 segue de perto a obra original, especialmente no que diz respeito ao seu Monstro, interpretado por Luke Goss. 

frankenstein minissérie 2004

Enfatizando mais a tragédia do que o horror presente na história e suavizando muitos de seus momentos, Frankenstein oferece uma representação fiel do Monstro, que é construído de forma desconcertante, simultaneamente inspirando nossa compaixão e medo. 

8. Frankenweenie (2012)

Tim Burton já havia atestado seu amor por Frankenstein em Edward Mãos De Tesoura (1990) e A Noiva Cadáver (2005), mas foi no stop-motion Frankenweenie que o diretor entregou sua própria versão do romance de Mary Shelley. 

frankenweenie

Nesta refilmagem de um curta do próprio Burton de 1984, acompanhamos Victor Frankenstein, um menino apaixonado por ciência e cinema, que decide utilizar o poder da eletricidade para ressuscitar seu querido cãozinho, Sparky. O caos se instaura quando seus colegas utilizam a fórmula em seus falecidos animais de estimação, resultando em grandes problemas. 

9. Frankenstein (2015)

Esqueça os castelos góticos e o século XIX, esta adaptação transporta a história de Frankenstein para a Los Angeles dos dias atuais, em uma reimaginação que adota o ponto de vista do Monstro, inserindo elementos tecnológicos da contemporaneidade. 

frankenstein 2015

Dirigido por Bernard Rose, que comandou O Mistério de Candyman (1992), o filme segue um casal de cientistas, Victor e Elizabeth Frankenstein (interpretados por Danny Huston e Carrie-Anne Moss), que cria Adam, um jovem rapaz com a mente de uma criança. É óbvio que as coisas não correm bem e a dupla prontamente rejeita sua criação quando ela começa a desenvolver deformidades na face e no rosto. Xavier Samuel interpreta a trágica Criatura forçada a viver nas margens da sociedade, enquanto o próprio Candyman, Tony Todd, aparece como um ombro amigo para o ser atormentado. 

10. Penny Dreadful (2014-2016)

Embora não seja centrada especificamente na história de Frankenstein, a série de televisão Penny Dreadful traz Victor Frankenstein e sua Criatura como importantes personagens de sua trama. 

penny dreadful

Interpretada por Rory Kinnear, a Criatura, nomeada inicialmente de Caliban e posteriormente de John Clare, corresponde a muitas das descrições presentes no livro de Mary Shelley. Além de se manter próxima a história original, Penny Dreadful oferece a diversão de presenciarmos o entrelaçamento das narrativas góticas que mais amamos. Se prepare para encontrar monstros como o próprio Drácula, Dr. Jekyll, Mr. Hyde e o narcisista Dorian Gray. Praticamente uma reunião da nossa marca Medo Clássico!

Frankenstein para todos os gostos

Frankenstein é tão popular e versátil que fica até difícil escolher apenas dez versões deste Monstro tão amado! Seja em adaptações mais fiéis, reimaginações, paródias e homenagens, todos nós adoramos assistir essa trágica história. 

Presente em tributos como The Rocky Horror Picture Show (1974) e em comédias como Abbott & Costello Encontram Frankenstein (1948), a Criatura chegou até mesmo a viajar para o Japão em 1965 no filme Frankenstein Contra o Mundo, em que enfrenta um monstro gigante à lá Godzilla. 

Mais recentemente, foi noticiado que o cineasta Guillermo Del Toro finalmente dirigiria sua própria versão de Frankenstein, o que faz bastante sentido, considerando o amor que o diretor tem pela obra. Por aqui nós mal podemos esperar para ver onde Del Toro vai levar a clássica história de Mary Shelley.

guillermo del toro frankenstein

Já a Caveira ama tanto essa história que trouxe o famoso Prometeu Moderno de volta à vida em uma nova edição de tirar o fôlego: Frankenstein: Monster Edition, que não só acompanha a versão original do romance como também ilustrações arrebatadoras de Bernie Wrightson e uma introdução do mestre Stephen King!

E para o DarkSider que precisa saber de tudo que acontece no universo das nossas obras favoritas de ficção, a Caveira se uniu à Macabra para trazer até você Frankenstein: Anatomia de Monstro, resultado de uma pesquisa rica e aguçada que examina os fatos científicos no complexo mundo construído por Mary Shelley em 1818.

frankenstein anatomia de monstro

Está na hora de completar sua coleção e gritar conosco: Ele está vivo! Está vivo! 

LEIA TAMBÉM: GUILLERMO DEL TORO QUER FAZER SUA VERSÃO DE FRANKENSTEIN

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Frankenstein
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Ela Não Pode Confiar

    Wicked
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CuriosidadesFilmes

Você sabia que Viagem Maldita foi inspirado num caso real?

Não existe nada mais aterrorizante do que um filme de terror baseado em uma história...

Por DarkSide
FilmesFirestar Videolocadora

Dark Night of the Scarecrow: Frank De Felitta como você nunca imaginou

Vocês já pararam para se perguntar de onde vem nosso fascínio pelos filmes antigos?...

Por Cesar Bravo
DarksideMúsica

Celebre os Heróis do Blues, Jazz & Country com essa playlist

Além de um ilustrador brilhante, Robert Crumb era um apaixonado pela música dos anos...

Por DarkSide
Crime SceneCuriosidades

Crianças podem ser consideradas psicopatas?

O ser humano é mau até que prove o contrário ou ele nasce bom e a sociedade o...

Por DarkSide
Crime SceneCuriosidadesProfissionais da Morte

4 Profissões da morte que você não imaginava que existiam

Você já pensou em trabalhar diretamente com a morte? Quando pensamos em...

Por DarkSide