Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


E.L.A.SFilmes

10 Thrillers que abordam a maternidade

Entre os amores e horrores de criar uma vida

09/05/2024

Por muito tempo a maternidade foi idealizada em filmes e livros, sendo apresentada como uma experiência perfeita, sem dificuldades ou problemas, onde tudo segue seu ritmo da maneira mais tranquila possível. Embora esta tenha sido uma representação comum, nós sabemos que infelizmente essa não é a vivência da grande maioria das pessoas. Saúde mental, infertilidade, partos traumáticos, violência obstétrica, abortamentos espontâneos, dificuldades em lidar com recém-nascidos, depressão e ansiedade pós-parto são apenas algumas das questões enfrentadas por muitas mães e pais por aí. 

LEIA TAMBÉM: QUIZ: QUAL LINHA EDITORIAL DA DARKSIDE MAIS COMBINA COM A SUA MÃE?

O cinema e a literatura logo perceberam que, por mais incrível que possa ser, a maternidade também é bastante difícil. Entre histórias aterrorizantes, trágicas e chocantes, a ficção encontrou assim um lugar para refletir sobre temas como responsabilidade, perda de agência e autonomia corporal, além de enfrentar alguns dos maiores tabus envolvendo parto, maternidade e maternagem.

Enquanto algumas narrativas definitivamente exageram um pouco, outras fornecem representações nuas e cruas dessa experiência. Entre gestações difíceis, lutos intensos e crianças problemáticas, a Caveira separou 10 thrillers que abordam a maternidade e que definitivamente merecem sua atenção.   

1. Ela Não Pode Confiar

Neste livro de Katie Sise, um dos primeiros lançamentos do projeto especial E.L.A.S – Especialistas Literárias na Anatomia do Suspense da DarkSide® Books, acompanhamos a autora Rowan O’Sullivan, que após um parto traumático finalmente retorna para casa com a filha recém-nascida e o marido. Para ajudar Rowan com o bebê, o casal contrata June, uma jovem babá de meio período. No entanto, permeada por incertezas e gatilhos, a nova mãe é dominada pelo medo e ansiedade, mergulhando em uma crise que agrava sua condição mental e a leva a acusar June dos mais terríveis atos.

ela não pode confiar

Tudo piora quando, uma noite, June desaparece sem deixar nenhum rastro. Com personagens complexos e um suspense que prende o leitor até o fim, Ela Não Pode Confiar aborda de forma dolorosa a questão da saúde mental materna, mostrando como uma gravidez traumática é capaz de mergulhar nossa protagonista em um pesadelo sombrio. 

2. O Bebê de Rosemary

Rosemary Woodhouse parecia ter finalmente realizado todos os seus sonhos. Apaixonada pelo marido, a jovem se mudou para o prestigiado edifício Bramford, conhecido pelos residentes famosos e pela arquitetura vitoriana. Era o início de uma vida perfeita. Como se não bastasse, alguns meses depois, ela ainda descobre que está grávida de seu primeiro filho! No entanto, a gestação não é como Rosemary esperava. Como muitas mães de primeira viagem, ela é abalada por incertezas, mudanças corporais drásticas, desconfortos e desejos estranhos.

o bebê de rosemary

Sufocada pelo entusiasmo dos novos vizinhos e determinada a descobrir a conspiração em torno de sua gestação, ela acaba entrando em um universo assustador, chegando à terrível conclusão de que seu bebê é o Anticristo. Uma das histórias mais aterrorizantes sobre maternidade, O Bebê de Rosemary foi publicada originalmente em 1967 e permanece até hoje um marco literário. Em 1968, o livro foi levado para as telonas em uma produção homônima protagonizada por Mia Farrow, considerada um dos melhores filmes de horror de todos os tempos. 

LEIA TAMBÉM: POR QUE O BEBÊ DE ROSEMARY É UMA METÁFORA SOBRE MISOGINIA

3. A Mão que Balança o Berço

Clássico dos anos 1990, A Mão que Balança o Berço traz Rebecca de Mornay como a Sra. Mott, uma mulher cujo marido obstetra comete suicídio após ser acusado de agressão sexual. O choque causado pela perda do esposo e de seus bens financeiros faz com que ela sofra um trágico abortamento espontâneo. Decidida a se vingar, a viúva orquestra um plano contra a mulher que acredita ser a causa de seu sofrimento, Claire Bartel, infiltrando-se em sua casa como uma doce babá.

a mão que balança o berço

Dirigido por Curtis Hanson, A Mão que Balança o Berço tem momentos de tirar o fôlego, resultando em um aterrorizante suspense psicológico em que a Sra. Mott lentamente rouba a família de Claire e tira de seu caminho todos aqueles que ameaçam seus planos. 

4. Mamãe é de Morte

Em Mamãe é de Morte, o cineasta John Waters traz uma abordagem satírica que mistura o thriller hitchcockiano com a vida suburbana. No filme, lançado em 1994, Kathleen Turner dá vida a Beverly Sutphin, uma modesta dona de casa de classe média que vive ao lado do marido e dos dois filhos adolescentes no subúrbio de Baltimore.

mamãe é de morte

Contudo, atrás dos sorrisos e gentilezas, ela esconde um terrível segredo: Beverly é uma assassina em série que mata qualquer um que a ofenda ou que menospreze sua família. Com uma performance magistral de Turner, Mamãe é de Morte é um filme ácido e divertido que satiriza a vida e a maternidade suburbana por meio de uma personagem que cativa os espectadores com suas motivações doentias e amor pela família. 

5. O Berço Vazio

Da mente de Thomas Olde Heuvelt, autor de Hex, O Berço Vazio conta a história de Charlotte, uma mãe abalada por uma perda inimaginável. Mergulhada no sofrimento causado pela morte da filhinha Dolores, ela embarca em uma busca obsessiva para recriar o bebê perfeito, tentando preencher o vazio e remediar sua situação desoladora. Abordando os recantos perturbadores do luto, O Berço Vazio conduz os leitores pela mente fragilizada e traumatizada de Charlotte, nos transformando em testemunhas de sua solidão e dor. 

o berço vazio

6. Menina Má

Rhoda Penmark é uma doce garotinha de 8 anos que mora com a mãe, Christine, enquanto o pai está ausente na Marinha. Aluna dedicada, filha amorosa, criança educada e obediente, ela é a filha perfeita. Mas o que acontece se Rhoda não for essa criatura angelical que todos acreditam ser? Essa é a premissa de Menina Má, romance de William March publicado originalmente em 1954. Despertando polêmicas na época do lançamento, o livro mostra aos leitores o desespero de Christine, que procura encontrar o que há de errado com a filha ao mesmo tempo em que desvenda segredos do seu próprio passado.

menina má

Menina Má traz uma das primeiras crianças malignas da ficção, ao mesmo tempo em que aborda o sofrimento de uma mãe perante forças que estão fora de seu controle. Em 1956, a história foi adaptada para os cinemas no clássico Tara Maldita, onde Rhoda foi eternizada pela jovem Patty McCormack.

7. Precisamos Falar sobre o Kevin

Explorando o lado mais sombrio e perturbador da maternidade, Precisamos Falar Sobre o Kevin conta uma história assustadoramente realista sobre a relação entre mãe e filho. Baseado no romance homônimo de Lionel Shriver, o filme traz Tilda Swinton como Eva, uma mãe que simplesmente não consegue se conectar com o filho, Kevin.

precisamos falar sobre kevin

Apresentando os acontecimentos em ordem não cronológica, o longa narra o relacionamento dos dois desde o nascimento de Kevin, explorando o lado cada vez mais manipulador e perigoso do garoto, que culmina em uma grande tragédia. Com uma performance marcante de Swinton, Precisamos Falar Sobre o Kevin é um filme angustiante que aborda de forma dolorosa questões reais de maternidade compulsória e relacionamento entre mães e filhos.

8. Mother: A Busca pela Verdade

Dirigido por Bong Joon-ho, mesmo diretor do premiado Parasita, Mother: A Busca pela Verdade é um filme de 2009 estrelado por Kim Hye-ja, que interpreta uma mulher (cujo nome nunca é revelado) que dedica sua vida a cuidar de seu filho adulto com deficiência intelectual e problemas de raiva. No entanto, sua vida humilde é virada de cabeça para baixo quando o filho, Yoo Do-joon, é acusado pelo assassinato de uma jovem mulher. Determinada a provar sua inocência, ela embarca em uma corrida contra o tempo para descobrir o verdadeiro culpado do crime.

mother

Sombrio e comovente, Mother: A Busca pela Verdade é um filme que não apenas mostra o anonimato e as dores da maternidade solo como também o quão longe uma mãe está disposta a ir para ajudar seu filho.

9. Titane

Consagrado no festival de Cannes, Titane traz uma abordagem da maternidade que é simultaneamente perturbadora e emocionante. No longa dirigido por Julia Ducournau, acompanhamos Alexia, uma assassina em série com uma placa de titânio na cabeça que possui uma inexplicável atração sexual por carros. Tudo fica ainda mais bizarro quando a jovem tem relações sexuais com um automóvel e acaba grávida.

Titane

Fugindo da polícia e precisando esconder a gestação, ela se disfarça como um adolescente desaparecido, filho de um solitário bombeiro. Titane utiliza a gravidez, a violência e o horror corporal para explorar questões de gênero, maternidade, família e humanidade, entregando ao final uma história sobre pertencimento e amor. 

10. Instinto Materno

Adaptação do livro homônimo de Barbara Abel, Instinto Materno traz Jessica Chastain e Anne Hathaway como Alice e Céline, duas vizinhas, mães e amigas próximas que vivem uma vida perfeita em um sereno subúrbio norte-americano da década de 1960. No entanto, sua amizade é drasticamente transformada após um trágico acidente, o qual resulta na morte de Max, filho de Céline. Mergulhada na dor, a mãe enlutada se afasta de Alice, mas se aproxima de Theo, seu filho, um menino com idade próxima a Max.

instinto materno

As coisas tomam um rumo sinistro quando Céline passa a demonstrar um comportamento perigoso e inquietante, que impacta todos ao seu redor. Misturando drama doméstico e thriller, Instinto Materno mergulha fundo na relação entre as duas mulheres, abordando questões como luto materno e amizade feminina.

Mamães, Queridas Mamães

A maternidade é um tema tão frequente no cinema que fica até difícil escolher apenas alguns filmes. Enquanto clássicos como Carrie, a Estranha (1976) e Mamãezinha Querida (1981) trazem mães tóxicas e relacionamentos conturbados, outros títulos como O Exorcista (1973), Água Negra (2002), A Invasora (2007) e O Babadook (2014) mostram mães que tentam a todo custo proteger seus filhos. Já produções como Um Lugar Silencioso (2018) expõem que criar filhos é uma tarefa difícil em condições normais, agora imagine ter que fazer isso em um cenário pós-apocalíptico onde o silêncio é a diferença entre a vida e a morte. O icônico Aliens (1986), por outro lado, evidencia que tanto mães humanas quanto mães alienígenas fazem de tudo para proteger a prole e que o vínculo de sangue não é tudo nessa jogada. 

A literatura também não fica atrás quando o assunto é representar a maternidade. Não é coincidência que muitos filmes icônicos sobre o tema, como O Bebê de Rosemary e Tara Maldita, surgiram justamente como adaptações literárias. Vale lembrar também de Psicose, clássico de Robert Bloch levado aos cinemas por Alfred Hitchcock, em que a relação entre Norman Bates e sua mãe é central para o desenvolvimento de toda a história, como foi aprofundado na série derivada Bates Motel.

psicose

Precisa de mais? Recentemente, a Caveira trouxe para o Brasil O Berço Vazio, novela de Thomas Olde Heuvelt que nos leva por uma viagem sombria pela mente de uma mãe enlutada e Ela Não Pode Confiar, que aborda saúde mental materna em um intrigante thriller que posiciona Katie Sise como uma das novas vozes poderosas do suspense mundial. 

LEIA TAMBÉM: 13 DICAS DE FILMES DE TERROR PARA MÃES TREVOSAS

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Ela Não Pode Confiar + Brinde Exclusivo
R$ 74,850
5% de Descontono boleto
COMPRAR
O Bebê de Rosemary + Brindes Exclusivos
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
O Berço Vazio + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Ela Não Pode Confiar

    Wicked
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Crime SceneCuriosidadesProfissionais da Morte

O que é teoria e o que é fato sobre a morte da princesa Diana

Tragédias que ganham os noticiários mundiais costumam vir carregadas de teorias...

Por DarkSide
Crime ScenePerfilProfissionais da Morte

Você sabe o que faz uma limpadora de traumas? Conheça Sandra Pankhurst

Você sabe o que faz um limpador de traumas? Não, não estamos falando de nenhum tipo...

Por DarkSide
Crime SceneEntrevista

Predador Americano: autora levou seis anos e gastou 30 mil dólares para investigar Israel Keyes

Como jornalista e fã do ofício, adoro ler livros escritos pelos meus colegas. ...

Por Liv Brandão
CuriosidadesDarklove

Lendas Japonesas: Quem são kitsune e tanuki?

O folclore japonês é povoado por criaturas mágicas que há muito nos fascinam por...

Por DarkSide
FilmesNovidades

The Substance: O elogiado filme que mistura O Médico e o Monstro e Showgirls

“Visionário feminista sobre terror corporal”, “filme cruel e...

Por DarkSide