Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


FilmesGraphic NovelListas

6 Filmes que abordam a sociedade de consumo

Entre no clima da graphic novel Spa, de Erik Svetoft

31/08/2023

Há muito que o cinema e a televisão vêm tecendo críticas acerca da sociedade de consumo. Isso faz bastante sentido quando lembramos que o audiovisual dialoga intrinsecamente com a cultura que o cria. Afinal de contas, verdade seja dita, somos e vivemos em uma sociedade de consumo. Não há muito como negar. 

LEIA TAMBÉM: K-BEAUTY: ENTENDA A OBSESSÃO SUL-COREANA PELA BELEZA

Filmes como Rede de Intrigas (1976) do diretor Sidney Lumet, Clube da Luta (1999) de David Fincher e O Lobo de Wall Street (2013) de Martin Scorsese são alguns exemplos de longas que exploram esse lado sombrio do consumismo, que foi abordado até mesmo por animações como Wall-E (2008) da Pixar Studios. 

O terror e o suspense obviamente nunca ficaram de fora dessa. E não estamos falando apenas de filmes! Até mesmo as graphic novels utilizam o tema como ponto de partida para criar narrativas desconfortáveis que escancaram alguns dos problemas mais latentes em nossa sociedade. Um bom exemplo é justamente Spa, graphic novel escrita e ilustrada pelo sueco Erik Svetoft, que chegou recentemente aqui na DarkSide® Books

spa

Uma obra bizarra e nonsense, Spa é ambientado em um spa cinco estrelas localizado em algum lugar no norte da Europa, que também funciona como hotel para conferências e é frequentado por um público rico, excêntrico e hedonista. No entanto, algo estranho e monstruoso ronda o lugar. Contando uma história diferente de tudo que já vimos antes, Spa é uma crítica afiada e inteligente a sociedade de consumo e a indústria do “bem-estar”.

Do cinema de David Cronenberg à série de televisão The White Lotus, passando pelas obras de Junji Ito, a obra de Erik Svetoft dialoga com vários filmes, séries e livros. É por isso que a Caveira separou alguns filmes que abordam essa temática semelhante e que o DarkSider precisa colocar na lista. Seja por meio de comentários sombrios, análises ácidas ou histórias extravagantes e bizarras, eles mostram que existem muitas formas criativas e até mesmo nojentas de abordar os horrores da nossa sociedade. 

1. Despertar dos Mortos (1978)

Um dos nomes mais famosos do cinema de terror, George Romero é considerado o pai dos zumbis modernos. E não é para menos, afinal tudo começou com o clássico A Noite dos Mortos-Vivos (1968). No entanto, foi com o segundo filme de sua trilogia dos mortos que Romero criou uma crítica mordaz à sociedade de consumo norte-americana. 

despertar dos mortos
Laurel Group/Divulgação

Lançado em 1978, Despertar dos Mortos é um dos mais famosos filmes de zumbis de todos os tempos. E com razão, afinal além de tecer um comentário certeiro sobre o mundo contemporâneo, o longa também oferece cenas de gore, zumbis ensanguentados e uma história para lá de eletrizante. O filme acompanha um grupo de sobreviventes que em meio ao caos do apocalipse zumbi se refugia justamente em um… shopping center. Como se isso não bastasse, Romero ainda compara a multidão de mortos-vivos que lota o estacionamento e as portas do local ao consumismo da população moderna, já que mesmo mortos eles instintivamente se direcionam ao lugar de sempre, o shopping center. 

2. A Coisa (1985)

Dirigido por Larry Cohen, A Coisa é uma comédia de terror satírica que acerta em cheio ao ridicularizar o consumo desregrado, o bombardeio de propagandas e o estilo de vida americano.

the stuff

Um verdadeiro clássico das locadoras, o filme acompanha a descoberta de uma substância alienígena, semelhante ao iogurte, que se revela extremamente doce e viciante. Logo, “A Coisa” passa a ser comercializada ao grande público, sendo descrita como sem calorias, doce e cremosa, tornando-se uma grande febre nacional. No entanto, tudo dá terrivelmente errado quando é descoberto que a substância é, na verdade, um organismo parasita e senciente que gradualmente se apodera do cérebro de quem o ingere. 

LEIA TAMBÉM: THE STUFF: VOCÊ SEMPRE VAI QUERER MAIS!

3. Eles Vivem (1988)

Baseado no conto “Eight O’Clock in the Morning” do escritor Ray Nelson, Eles Vivem é um clássico do diretor John Carpenter. Lançado em 1988, o longa se tornou figura carimbada na lista de filmes que criticam o sistema capitalista e o consumo desenfreado, partindo de uma metáfora hiperbólica para explorar questões como a desigualdade criada pela disparidade de riqueza e o bombardeio de informações midiáticas.

eles vivem

O filme acompanha dois amigos, Nada e Frank, que descobrem óculos de sol especiais que possibilitam que enxerguem as mentiras da sociedade moderna. Nisso, eles descobrem que a classe dominante é composta por alienígenas que se escondem sob disfarces e manipulam a população com mensagens subliminares espalhadas pela cidade de Los Angeles, as quais incentivam o consumo, a obediência e o conformismo. 

4. A Sociedade dos Amigos do Diabo (1989)

Não se deixe enganar pelo título em português, A Sociedade dos Amigos do Diabo não tem absolutamente nada a ver com o Diabo. Longe disso, na verdade. O longa do cineasta Brian Yuzna, lançado em 1989, se situa no subgênero do horror corporal e conta a história de Bill Whitney, um adolescente rico e privilegiado que mora em uma mansão em Beverly Hills, na Califórnia, com seus pais e irmã. 

a sociedade dos amigos do diabo
Wild Street Pictures/Divulgação

Contudo, as coisas tomam um rumo sinistro quando ele começa a desconfiar de sua família e seus amigos ricos, suspeitando que todos fazem parte de um terrível culto exclusivo da elite social. Com o slogan “os ricos sempre se alimentaram dos pobres”, A Sociedade dos Amigos do Diabo mistura paranoia, humor ácido, sátira social e gore, entregando um dos finais mais bizarros, grotescos e perturbadores da história do cinema. Se prepare para ficar enjoado.

5. Psicopata Americano (2000)

Estrelado por Christian Bale e dirigido por Mary Harron, Psicopata Americano é a adaptação do livro homônimo de Bret Easton Ellis, publicado no Brasil pela DarkSide® Books. Ambientado nos anos 1980 em meio à cultura yuppie, o filme acompanha Patrick Bateman, um executivo narcisista e egocêntrico do mercado financeiro que leva uma vida materialista, vazia e possivelmente assassina. Ácido e brutal, o filme segue de perto a espiral de loucura que Bateman entra quando suas expectativas de carreira e sociabilidade colidem com seu instinto assassino e mentalidade instável. 

psicopata americano

Um clássico moderno, Psicopata Americano é uma enigmática e envolvente investigação sobre o estilo de vida moderno, a indústria do bem-estar, o materialismo e consumismo desenfreados. 

6. Parasita (2019)

Um dos filmes mais comentados de 2019, o sul-coreano Parasita chamou a atenção do mundo com seu roteiro afiado, que aborda desigualdade social e preconceito de classe, recebendo inúmeros prêmios pelo caminho e tornando-se um sucesso de críticas e público. Dirigido por Bong Joon-Ho e acompanhado por ótimas performances, o filme conta a história de duas famílias, uma rica e abastada, e outra vivendo em relativa pobreza, que acabam tendo seus destinos entrelaçados, estabelecendo assim uma trágica relação parasítica

parasita
NEON CJ Entertainment

Misturando momentos de terror e tragédia com piadas mordazes, Parasita explora as fraturas do capitalismo e da sociedade de consumo, trazendo tópicos como consciência de classe, preconceito e hierarquia. Inteligente e inquietante, não é à toa que o longa sul-coreano já se consolidou como um dos melhores filmes do século XXI.

Spa, consumo e bem-estar: A graphic novel de Erik Svetoft

Desconcertantes e impactantes, esses filmes são como verdadeiros tapas na cara, mostrando, em suas formas mais variadas e bizarras, o poder de crítica do cinema. Mas é claro que eles não são os únicos. Para o DarkSider que deseja se aventurar por mais produções nesse estilo, vale conferir também Brazil: O Filme (1985) de Terry Gilliam, diretor do icônico Os Doze Macacos; o mais recente e bastante comentado Triângulo da Tristeza (2022) do cineasta sueco Ruben Östlund e o excelente segmento Por Fora, presente em O Gabinete de Curiosidades de Guillermo del Toro e dirigido por Ana Lily Amirpour. 

Já para os fãs de graphic novels, nada melhor do que mergulhar no mundo estranho, monstruoso e excêntrico de Spa, um lançamento da Caveira que com certeza vai te deixar refletindo sobre todas essas questões. Com desenhos magníficos e uma crítica certeira, Spa é uma experiência desconfortável, bizarra e principalmente, inesquecível. 

E aí, já está preparado para fazer seu check-in? 

LEIA TAMBÉM: ERIK SVETOFT: “AS COISAS PODEM SER SEM SENTIDO E SIGNIFICATIVAS AO MESMO TEMPO”

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Spa + Brinde Exclusivo
R$ 99,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Os Doze Macacos + Brinde Exclusivo
R$ 84,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Psicopata Americano + Brinde Exclusivo
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
NovidadesWish

5 Motivos para apoiar A Montanha das Feras no Catarse

Prepare-se para conhecer as bestas ferais que habitam a colina amaldiçoada de...

Por DarkSide
FilmesLivrosMedo Clássico

10 Histórias de fantasmas horripilantes

Não existe nada mais assustador do que uma boa história de fantasmas. A ideia de que...

Por DarkSide
FilmesGraphic Novel

Qual a relação entre Pedacinhos e filmes de torture porn

Uma série de assassinatos grotescos em que corpos femininos são encontrados mutilados...

Por DarkSide
FilmesMedo ClássicoNovidades

Dracula: A Love Tale será dirigido por Luc Besson

A indústria cinematográfica não se cansa de versões de Drácula. Ainda bem, porque...

Por DarkSide
DarkloveLançamento

Lançamento: Lendas Japonesas, por Loputyn

No universo rico e cativante das lendas japonesas, criaturas misteriosas e seres...

Por DarkSide