Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


ArteArtigo

A importância da arte em tempos desafiadores

É ela que nos faz sentir emoção, conexão, esperança e humanidade

21/05/2024

Os seres humanos possuem diversas necessidades. Desde as mais básicas, como alimentação, água e sono, passando pelas de comunicação e conexão com outros, chegando até aquelas que nos tornam únicos enquanto espécie. Aqui entram elementos artísticos e culturais que estimulam nossa mente, permitem que pensemos em possibilidades além da nossa realidade e nos tornam essencialmente humanos.

LEIA TAMBÉM: VIDA E ARTE DE GUSTAVE DORÉ

Quando falamos em arte não nos restringimos apenas às pinturas famosas e museus que reúnem essas peças de outros tempos. Ela nos cerca e nos acompanha ao longo de toda a vida. Desde o momento em que um bebê reage fisicamente a uma canção ele está em sintonia com a arte por meio da dança. Logo mais, começará a fazer seus primeiros rabiscos em folhas de papel, a cantar, a fazer esculturas com massinha de modelar. 

A arte está presente em nossas vidas com muito mais frequência do que nos damos conta. Ela está nas músicas que ouvimos, nos livros que lemos, nos filmes e séries que assistimos no streaming, e até mesmo nos espaços onde nem sempre nos damos conta que envolvem um trabalho artístico, como um outdoor, a decoração de um bolo ou a roupa que você está vestindo agora.

mona caron
Arte de Mona Caron

A arte está tão intrinsecamente ligada à nossa experiência de ser humano que a colocamos em muito do que fazemos. É um canal de escape para nossos sentimentos, experiências, traumas, alegrias e tudo o que nos torna únicos. Em algum grau, somos todos admiradores e artistas daquilo que dá significado à nossa própria existência.

Diante de momentos de crise, sejam elas individuais ou coletivas, acabamos nos voltando para as nossas necessidades mais básicas. Isso é importante, é claro, pois é o que garante a nossa existência. Porém, logo vêm as necessidades relacionadas à arte, pois são elas que garantem a nossa humanidade.

LEIA TAMBÉM: BRUXA DO GRAFFITI: MONA CARON E A SELVA QUE BROTA DO CONCRETO

Em um mundo de crises constantes, sejam elas causadas por guerras, desastres climáticos, rotinas cada vez mais desgastantes e insegurança, a arte se mostra essencial. Entenda por quê:

A arte expressa o que significa ser humano

Criar e apreciar arte nos permite processar nossas próprias experiências e compreender o mundo que nos cerca. Historicamente, seres humanos sempre se expressaram de maneira visual, e a Cueva de las Manos, na Argentina, é um exemplo disso. As artes encontradas na caverna datam de aproximadamente 7300 a.C., mostrando cenas de caçada e não apenas nos apresentando como deveria ser a vida naqueles tempos, mas também estabelecendo uma conexão com nossos ancestrais da Idade da Pedra.

cueva de las manos

Povos primitivos não apenas registravam suas rotinas através da arte, mas também a utilizavam para se expressar, exatamente como fazemos até os dias de hoje. As artes que criamos podem manifestar episódios que vivemos coletivamente, reforçando esse senso de comunidade e as experiências das culturas nas quais estamos inseridos. 

Ela promove a compreensão entre grupos

Em um contexto global, estamos o tempo inteiro lidando com desigualdades — e as crises costumam deixá-las ainda mais evidentes. Nesses momentos, a arte pode ser um meio de fortalecer comunidades, afinal, ela não apenas nos permite compreender a nós mesmos, mas a entender uns aos outros de um jeito mais profundo. Por mais que o mundo tente criar barreiras entre as pessoas, são as artes que nos unem.

Arte faz bem à saúde

Já foi comprovado que a arte pode ser uma ferramenta poderosa para reduzir o estresse e melhorar a sensação de bem-estar. Criar ou simplesmente apreciar arte, em qualquer uma de suas manifestações, traz benefícios de longo prazo, como estimular a função cerebral e o nosso sistema autoimune, além de contribuir com a saúde mental e emocional. Trabalhos artísticos nos ajudam a processar traumas, expressar emoções complicadas e nos ajudar a lidar com nossas experiências.

terapia pela arte
The Collector/Reprodução

Obras de arte devolvem senso de humanidade no espaço público

Quando cidades são destruídas, seja por guerras ou desastres naturais, além da infraestrutura vão-se também os trabalhos artísticos que estavam nesses espaços, como pinturas, murais e esculturas. Além de reconstruir essas cidades, é importante levar humanidade a elas, devolvendo a arte para as ruas. Essas obras ajudam a devolver a esperança e o senso de pertencimento aos habitantes.

E quando falamos de destruição nem precisamos nos restringir a espaços físicos. Lembra no começo da pandemia, quando tivemos o nosso emocional profundamente abalado pelas mortes causadas pelo vírus, isolamento e medo em relação ao futuro? As notícias de que pessoas tocavam música e dançavam nas sacadas na Itália não percorreram o mundo por acaso.

Alguns dos movimentos artísticos mais emblemáticos surgiram em crises

Eventos mundiais frequentemente são lembrados por meio da arte que emergiu enquanto eles ocorriam. A Renascença, por exemplo, ganhou força em meio à tragédia causada pela peste bubônica, que ceifou 50 milhões de pessoas na Europa. Artistas como Michelangelo, Rembrandt e Botticelli retratavam verdadeiras celebrações à vida em suas obras.

sandro botticelli

Outro exemplo é o Dadaísmo, que surgiu como um movimento antiguerra durante a Primeira Guerra Mundial. Artistas como Marcel Duchamp, Tristan Tzara e Hannah Höch protestavam em suas obras contra o movimento belicista que emergia com os avanços tecnológicos e desafiavam as noções de arte.

Precisamos da arte para processar períodos difíceis

Dependemos da arte para nos ajudar em momentos difíceis pois é ela que nos lembra que não estamos sozinhos e que compartilhamos uma experiência humana universal. É através dela que sentimos emoções profundas em conjunto e somos capazes de processar experiências, encontrar conexões e criar impacto.

A arte nos permite registrar e processar mais do que experiências individuais. É nesses trabalhos criativos que documentamos o mundo à nossa volta e entendemos o nosso papel nele. Graças a ela, somos capazes de sentir a conexão que vem da dança, a contemplação que vem de uma pintura, a emoção que vem das artes cênicas e a esperança e otimismo que brotam nas páginas de um livro.

LEIA TAMBÉM: 10 LIVROS COM LIÇÕES VALIOSAS DA MARCA DARKLOVE

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

A Sonata Perfeita + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Lar Doce Mar + Brindes Exclusivos
R$ 89,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Mefisto + Brinde Exclusivo
R$ 84,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Ela Não Pode Confiar

    Wicked
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
FilmesNovidades

Tudo que sabemos sobre MaXXXine

E quem diria que um terror indie sem distribuição chegaria ao terceiro filme com...

Por DarkSide
FilmesNovidades

Jogos Mortais XI tem novidades de roteiro e lançamento adiado

Marcus Dunstan, roteirista de Jogos Mortais XI, finalmente atualizou os fãs sobre o...

Por DarkSide
FilmesFirestar Videolocadora

Pin: Um Trauma feito de loucura e plástico

Alguns filmes sempre foram raros no Brasil, outros acabaram sendo subestimados e...

Por Cesar Bravo
CuriosidadesDarkloveEntrevista

Rachel Rabbit White pelas palavras de Nico Walker (e dela própria)

O que os livros Carrossel dos Desejos e Cherry: Inocência Perdida têm em comum? Numa...

Por DarkSide
GamesMacabraNovidades

Conheça o jogo de tabuleiro de Condado Maldito

Se você é fã da série de graphic novels Condado Maldito e gosta de jogos de...

Por DarkSide