Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


ListasMacabra

As 8 melhores citações dos filmes da Família Addams

Divirta-se com as frases desta família macabramente sagaz

Uma das características que torna os Addams tão irreverentes e queridos pelo público é o senso de humor deles: afiado e com aquela pitada de crítica aos exageros da sociedade. Os fãs mais sinistros dos personagens têm em A Família Addams: Álbum de Família uma coleção completa sobre a trajetória dos Addams, desde os cartuns na New Yorker até as animações mais recentes.

LEIA TAMBÉM: LANÇAMENTO: A FAMÍLIA ADDAMS: ÁLBUM DE FAMÍLIA, DE CHARLES ADDAMS

No início dos anos 1990 a Família alcançou sucesso mundial com os filmes estrelados por Anjelica Huston, Christina Ricci, Raul Julia e Christopher Lloyd. Além das situações nada normais para uma família, uma das coisas que mais arrancou risadas de crianças e adultos foram as respostas afiadas de Morticia, Gomez, Feioso e Vandinha, aliás, principalmente a Vandinha!

A Caveira separou algumas das citações mais legais de A Família Addams e A Família Addams 2 para você se inspirar na próxima vez que precisar aplicar o sarcasmo em uma conversa:

1. “A Vandinha está naquela idade especial em que uma menina só consegue pensar em uma coisa”

Créditos: © 1993 Paramount Pictures

“Homicídio”. Ou existia outra possibilidade? Esse diálogo acontece no divertido encontro dos Addams com os Buckmans no Acampamento Chippewa. Mesmo com o contraste entre Morticia e a sra. Buckman, a resposta inesperada de Vandinha para a mulher que provavelmente achou que a menina diria “garotos” diverte até hoje. Sem contar que a expressão no rosto da sra. Buckman é impagável.

2. “Vandinha, brinque com a comida”

Quem aqui não cansou de levar bronca porque estava brincando com a comida em vez de simplesmente comer, não é mesmo? Mas o recado de Morticia para Vandinha não é uma simples inversão de valores, afinal, ela não estava comendo. A menina precisou perseguir o seu prato, que já estava se mexendo. Mais uma refeição normal na Mansão Addams.

3. “Disseram para não confiarmos nos peregrinos, principalmente em Sarah Miller”

Créditos: © 1993 Paramount Pictures

Quando Vandinha sabota a peça de Ação de Graças no acampamento, não estamos falando apenas de uma maneira perfeita de descreditar o patriarcado branco, mas de aparentemente validá-lo, com direito a muito sarcasmo, é claro. O monólogo dela é um dos mais icônicos da franquia:

“Vocês tomaram a terra que por direito é nossa. Daqui a muitos anos, meu povo será forçado a viver em casas móveis em reservas. O seu povo irá vestir cardigãs e beber uísque. Nós venderemos pulseiras nas beiras das estradas. Vocês vão jogar golfe e apreciar hors d’oeuvres. O meu povo terá dor e degradação. O seu povo terá câmbio de marchas. Os deuses da minha tribo disseram. Disseram para não confiarmos nos peregrinos, principalmente em Sarah Miller.”

LEIA TAMBÉM: COMO A FAMÍLIA ADDAMS INVERTE OS VALORES DA FAMÍLIA IDEAL

4. “Nós dissemos à Vandinha: primeiro a faculdade”

Quando a professora de Vandinha vai reclamar com Morticia por causa de alguns desenhos que a garota fez na classe da morte de uma parente, a mãe entende que a educadora está preocupada com o destino da filha. Diante disso, ela sorri e reconforta a professora da melhor forma: “Esta é a tia-avó de Vandinha, Calpurnia. Ela foi queimada por bruxaria em 1706. Disseram que ela dançava nua na praça da cidade e que escravizou o ministro. Mas não se preocupe, nós dissemos à Vandinha: primeiro a faculdade”. Nada como uma mãe preocupada com o futuro da filha.

5. “Eu sou como qualquer outra mulher moderna”

Créditos: © 1993 Paramount Pictures

Quando Morticia admite que está se sentindo sobrecarregada após o nascimento de Pubert, ela se solidariza com o sentimento de praticamente todas as mulheres diante da maternidade. Muitas irão se identificar com a primeira parte da citação de Morticia: “Eu sou como qualquer outra mulher moderna tentando dar conta de tudo. Um marido amável, uma família”. Mas talvez a maioria delas não se identifique tanto assim com o desfecho do pensamento da personagem: “Eu só queria ter mais tempo para buscar as forças obscuras e me juntar a elas em sua cruzada infernal”.

6. “Não fique se torturando, Gomez. Esse é o meu trabalho”

Ao observar a química entre Anjelica Huston e Raul Julia na frente das câmeras fica até difícil conceber que eles não se davam muito bem nos bastidores. Mas felizmente nos deixaram com muitas frases que definiam bem o seu relacionamento:

“Não fique se torturando, Gomez. Este é o meu trabalho.”

“Gomez, na última noite você estava desequilibrado. Você parecia um demônio desesperado uivando. Você me assustou. Faça de novo.”

E quando Gomez pergunta se ela está infeliz, Morticia responde: “Ah, sim. Sim, completamente.”

7. “Eu teria pena dele”

Créditos: © 1993 Paramount Pictures

No segundo filme, Vandinha parece encontrar o amor… ou o que os Addams consideram amor. Quando Joel se veste como Gomez, de bigode e tudo, e age como se os dois fossem viver infelizes para sempre, ela logo corta a fantasia: “E se você encontrasse o homem certo, que a venerasse a adorasse? Que faria tudo por você, que seria o seu devotado escravo? O que você faria?”. Ao que ela responde no melhor estilo Addams: “Eu teria pena dele”.

8. “Isso importa?”

Com uma linha muito tênue entre ser hilária ou mórbida, a personagem com as tiradas mais sarcásticas é Vandinha, desde o primeiro filme. No clímax de A Família Addams, Tully Alford e o dr. Pinder-Schloss são catapultados da residência dos Addams e caem em covas abertas no cemitério mais próximo. Acima delas estão Vandinha e Feioso, já com as pás em mãos. Feioso pergunta se eles estão mortos e sua irmã responde friamente “isso importa?”. Um fechamento sinistro, nervosamente engraçado, mas que faz todo o sentido para a personagem.

E você? Tem alguma frase preferida dos Addams? Conta pra Caveira nos comentários!

LEIA TAMBÉM: CONHEÇA A ÁRVORE GENEALÓGICA DA FAMÍLIA ADDAMS

Sobre Macabra

Macabra Filmes é a fazenda do terror. Compartilhamos o horror e a beleza, a vida e a morte. Brindamos com sangue as alegrias de existir. Cultivamos o primeiro suspiro, o abrir de olhos, o frio na espinha, o grito na montanha russa, o crepúsculo e a eterna escuridão. Para nós, o medo é natural — e a vida, um presente sobrenatural. É puro terror. 100% macabra.

Website

1 Comentário

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

O Ano das Bruxas + Brinde Exclusivo
R$ 64,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
LançamentoMagicae

Lançamento: Dicionário dos Sonhos, de Gustavus Hindman Miller, Linda Shields e Lenore Skomal

Nossos sonhos são portais para o inconsciente, uma linguagem espiritual para desvendar...

Por DarkSide
LançamentoMagicae

Lançamento: Manual Prático das Auras, de Cassandra Eason

As cores e as emoções possuem paralelos que são muito comuns na nossa comunicação...

Por DarkSide
LançamentoMagicae

Lançamento: Manual Prático da Wicca, de Cassandra Eason

Os primeiros passos em um novo universo são, quase sempre, acompanhados por muitas...

Por DarkSide
LançamentoMagicae

Lançamento: Inútil Magia, de Florence Welch

“Canções podem ser incrivelmente proféticas, como mensagenssubconscientes ou...

Por DarkSide
Crime SceneListas

8 Filmes noir para assistir no streaming

Marcado pelo suspense e o tom sombrio, o noir se tornou bem popular nas décadas de...

Por DarkSide