Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


CuriosidadesDarksideFilmes

Audição: 5 Curiosidades sobre o livro e o filme

Controvérsias marcam a obra perturbadora de Ryu Murakami

ATENÇÃO: O POST A SEGUIR CONTÉM SPOILERS 

O mestre do psycho thriller japonês está em casa. Audição é uma das obras mais perturbadoras de Ryū Murakami, lidando com temas como misoginia, feminismo, abuso, traumas e tortura. O clássico do terror foi publicado originalmente em 1997 e ganhou o mundo com a adaptação para as telonas em 1999 pelo cineasta Takashi Miike.

LEIA TAMBÉM: LANÇAMENTO: AUDIÇÃO, DE RYŪ MURAKAMI

Mesmo publicada há mais de 25 anos, a obra de Murakami se mantém atual ao abordar o medo masculino diante da sexualidade feminina, como definiu Irvine Welsh, autor de Trainspotting. Esse pesadelo digno de David Lynch coloca leitores e leitoras no limite, provocando questionamentos do que pode ser considerado aceitável nas linhas sinistras do amor.

Tanto o livro como o filme causaram furor na época de seus respectivos lançamentos e ainda nos dias de hoje, rendendo debates e reflexões sobre qual seria a intenção ou a lição pretendida pelo autor. Para aguçar ainda mais a curiosidade dos darksiders sobre essa obra perturbadora, a Caveira separou alguns fatos interessantes sobre Audição

1. Um terror que não parece terror

Quem se desvenda pelos pesadelos de Audição pela primeira vez pode até questionar a classificação como uma história de terror, uma vez que os dois primeiros atos são mais semelhantes a um romance tradicional, passando pelas audições e a construção do romance entre Aoyama e Yamassaki — embora alguns alertas já surjam por aqui.

A ação acontece mesmo no terceiro ato, por isso o leitor não irá se incomodar muito com o ritmo acelerado do escritor na primeira metade da história. As sutilezas da narrativa são substituídas por acontecimentos muito mais chocantes e perturbadores, entregando o terror tão almejado por quem se aventura por uma história de Murakami.

No Japão, o longa Audição nem é considerado um filme de terror, pois lá eles entendem que o gênero precisaria de algum elemento sobrenatural, o que não é o caso da história de Murakami. No ocidente, produções de terror abrangem características mais diversas.

2. Há diferenças pontuais entre livro e filme

Como acontece em boa parte das adaptações, o filme Audição tem suas diferenças do original. O principal motivo está na interpretação e na intenção do cineasta: Takashi Miike entendeu que o livro era uma carta de amor a uma mulher, por isso, o roteiro foi construído de tal forma que configurasse uma resposta da mulher a quem a carta teria sido enviada.

Créditos: Lions Gate Home Entertainment

Detalhes da vida de Asami, que estão no livro, não são mencionados no filme, deixando a história de fundo da personagem um tanto vaga. Outra diferença importante está no final, principalmente no momento em que o filho de Aoyama interrompe a sessão de tortura à qual o pai está sendo submetido e a brutalidade com que um dos personagens morre.

LEIA TAMBÉM: 10 FILMES DE TERROR AMALDIÇOADOS NA VIDA REAL

3. A obra é considerada feminista e misógina ao mesmo tempo

A crítica enxergou tanto misoginia como feminismo em Audição. Na primeira parte, é explorada a visão sexista de Aoyama, como os critérios elencados por ele para escolher sua noiva e a própria audição falsa que ele criou para conhecê-la — lembrando os famosos “testes do sofá” da indústria do entretenimento.

Quando a narrativa migra para a tortura infligida por Asami, a vingança da personagem é interpretada como um ato feminista e de crítica ao patriarcado japonês como um todo. Algumas interpretações ainda entendem que a obra seja sobre o medo masculino da sexualidade feminina.

4. O filme causou sensação em um festival (para o bem e para o mal)

Embora tenha sido lançado em outubro de 1999 no Vancouver International Film Festival, o longa conquistou fama mundial após sua exibição no Rotterdam International Film Festival, nos Países Baixos, no início de 2000. A produção ganhou o prêmio FIPRESCI, concedido por um júri de jornalistas internacionais.

Créditos: Lions Gate Home Entertainment

De um lado a aclamação, do outro as polêmicas. Foi no mesmo festival de Rotterdam que o filme ganhou a fama de ter observado um número recorde de pessoas que abandonaram a sessão e de pessoas xingando pessoalmente o diretor Takashi Miike após a exibição. Já na Suíça, há relatos de espectadores que desmaiaram e precisaram de assistência médica durante a exibição do filme.

5. O longa é considerado uma influência do torture porn

Odiado por muitos, aclamado por quem é do meio. Audição é um filme que consta na lista de filmes preferidos de cineastas como Quentin Tarantino e Rob Zombie. Suas cenas gráficas de tortura são consideradas precursoras do torture porn, termo criado pelo crítico de cinema David Edelstein para descrever produções como Jogos Mortais, Rejeitados pelo Diabo e Viagem para o Inferno, que se baseiam em cenas chocantes para causar sensações na audiência.

A influência de Audição em cineastas norte-americanos chega a ser tão literal, que o cineasta Eli Roth afirmou ter filmado O Albergue por causa da produção japonesa. O cineasta Takashi Miike até faz uma aparição no longa, como um dos clientes satisfeitos do estabelecimento de tortura.

LEIA TAMBÉM: PSICOSE E A INFLUÊNCIA NOS SLASHERS MODERNOS

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

1 Comentário

  • Nallucahh

    10 de agosto de 2022 às 19:21

    Foi o melhor livro que li no semestre com certeza indico d++, pode parecer um pouco leve no começo mas cada vez mais fica muito sinistro. EU INDICO !!!

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Audição + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
DeathDisco v. 4 + Brinde Exclusivo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Fragmentos do Horror + Brinde Exclusivo
R$ 54,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Crime SceneGraphic NovelLivros

3 Livros sobre Jeffrey Dahmer publicados pela DarkSide®

A série da Netflix sobre os crimes cometidos por Jeffrey Dahmer dão alguns insights...

Por DarkSide
DarkloveFilmes

Os paralelos entre A Mulher Rei e Ela Seria o Rei

O filme A Mulher Rei estreou em meados de setembro e apresenta Viola Davis como...

Por Dayhara Martins
ArtigoMagicae

A bruxaria é um ato político

“Eu sou bruxa.” Essas três palavrinhas sempre irão causar algum tipo de reação,...

Por DarkSide
FilmesHalloweenNovidades

Halloween está de volta aos cinemas

Uma das grandes certezas do universo do terror é a de que Michael Myers sempre...

Por DarkSide
CuriosidadesMacabra

A macabra medicina dos médicos que fazem cirurgias em si próprios

Quem já precisou passar por uma cirurgia deve se lembrar bem de todos os cuidados...

Por DarkSide