Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


Cine Book ClubListas

Robert Englund: “Os vilões são melhor escritos”.

Conheça 5 curiosidades sobre o ator

Robert Barton Englund, mais conhecido por seu papel como Freddy Krueger na franquia A Hora do Pesadelo, nasceu na Califórnia em 06 de Junho de 1947 e, ainda no começo da adolescência, começou a estudar teatro na Real Academia de Arte Dramática. Focado em teatro clássico, fez muito sucesso como ator shakespeariano e em algumas comédias, até estrear no terror Eaten Alive, de Tobe Hopper, e começar sua carreira no terror.

LEIA TAMBÉM: TOBE HOOPER, O PAI DO SLASHER + 6 OBRAS PARA CONHECER O CINEASTA

Em 2021, o ator deu uma longa entrevista ao Looper e revisitou sua carreira. Sobre seu começo e amizades na indústria cinematográfica, ele declarou que a mudança para o terror foi um acidente:

“Foi um feliz acidente para mim. No início dos anos 80 eu estava em uma série de grande sucesso chamada V. (…) Foi um sucesso internacional e comecei a ir ao exterior para festivais de cinema e premiações. Simultaneamente, tive um hiato entre a minissérie e a série de televisão e o único projeto que se encaixava na minha agenda era Nightmare on Elm Street (A Hora do Pesadelo). Então eu fiz isso, e eis que também foi um sucesso internacional da noite para o dia. E isso me tornou um ator internacional de uma hora para a outra”.

Créditos: Bloody Disgusting

Ainda durante essa entrevista, ele falou sobre o desafio de interpretar vilões:

“Aprendi nos meus dias de teatro que os vilões são melhor escritos. (…) Eu fiz muita comédia. Mas os bandidos são apenas melhor escritos. Eles são um pouco mais complexos. Eles têm mais camadas. É divertido de fazer.”

Em 2022 o ator fez uma participação na série Stranger Things como Victor Creel, suposto assassino dos anos 1950. Internado no Hospital Psiquiátrico Pennhurst, Creel acaba se tornando uma peça chave para desvendar o mistério em torno das estranhas mortes que acontecem em Hawkins em 1986. Sobre a participação do ator (que enviou uma fita como teste para os produtores), os roteiristas comentam:

“Ter Robert conosco foi um sonho que se tornou realidade. E também foi legal para os fãs vê-lo em um papel que não era Freddy Krueger. Foi algo brilhante e realmente emocionante.”

Créditos: Netflix

Começando em 1984, Englund já atuou em nove filmes como Freddy Krueger, se tornando um dos atores mais amados do terror. Para celebrar seu aniversário, a Caveira listou 5 curiosidades sobre ele, confira:

1. Ele queria atuar em Apocalypse Now

Embora tenha se espalhado a lenda de que Englund fez testes para o papel de Han Solo em Star Wars, o próprio ator contou em entrevista que, na verdade, isso nunca aconteceu. Ele chegou a pegar o roteiro, mas não foi chamado para a audição. Na época, seu interesse era interpretar Chef, de Apocalypse Now, mas como o papel já havia sido dado a Frederic Forrest, ele acabou fazendo teste para o papel de surfista (que acabou ficando com outro ator). Seu amigo, Mark Hammil, demonstrou interesse no papel de Han Solo e pressionou para que seu agente conseguisse marcar um teste. 

Englund falou sobre o período em entrevista: “Naquela época eu morava com Jan Fischer, que foi para The Lost Boys; nosso melhor amigo se tornou Luke Skywalker; e me tornei Freddy Krueger. Na época, éramos apenas três jovens vivendo em Hollywood Hills com grandes sonhos.”

LEIA TAMBÉM: COMO O HORROR DE CORAÇÃO DAS TREVAS INFLUENCIOU APOCALYPSE NOW

2. Surfista talentoso

Nascido na Califórnia, Englund aprendeu a surfar cedo e se tornou um entusiasta do esporte. Essa paixão foi explorada em um filme de 1978, Big Wednesday.

Créditos: Divulgação

Considerado um dos melhores filmes sobre surf, apresenta um grupo de surfistas californianos enfrentando a vida e a guerra do Vietnã usando a mudança constante das ondas como metáfora para as mudanças da vida..

3. Sua maquiagem de Freddy era tão boa que lhe assustou

A maquiagem de Freddy demorava muitas horas para ser finalizada, o que acabava fazendo com que o ator tirasse cochilos entre suas gravações ainda maquiado. Durante a gravação do primeiro longa, o próprio ator se assustou com o resultado:

“Eu estava tirando uma soneca por volta das 4 da manhã, com a cabeça apoiada em uma toalha bem enrolada para não manchar minha maquiagem e estava esperando para ser chamado no set e ouvi alguém batendo na porta. Quando me sentei, vi esse rosto desfigurado olhando para mim no espelho. O choque me fez pular para fora da minha pele. Eu levantei minha mão e percebi: ‘Oh meu Deus, é meu próprio reflexo!’.”

LEIA TAMBÉM: 5 COISAS QUE VOCÊ NÃO SABIA SOBRE A HORA DO PESADELO

4. Interpretou Freddy mais de 50 vezes

Robert Englund interpretou Freddy Krueger em todos os oito filmes originais da franqui A Hora do Pesadelo (incluindo o semi-reboot New Nightmare de 1994 e o crossover Freddy Vs Jason). A interpretação icônica garantiu sua participação na série Freddy’s Nightmares, um pequeno spin-off da franquia de filme que foi ao ar entre 1988 e 1990.

Créditos: Divulgação

Por restrições orçamentárias, Englund foi o único ator da franquia original que participou da série.

5. Curta carreira como músico

Freddy Krueger não se restringiu ao cinema e TV: em 1988, Robert Englund colaborou com a banda The Fat Boys e cantou um rap em Are You Ready For Freddy. A música foi gravada especificamente para a trilha sonora de A Nightmare on A Hora do Pesadelo 4: O Mestre dos Sonhos.

No ano anterior, o ator também fez uma participação especial na música da banda Dokken, Dream Warriors, que faz parte da trilha sonora de A Hora do Pesadelo 3 – Os Guerreiros dos Sonhos. A faixa, que foi lançada como single, alcançou o 22º lugar nas paradas de rock dos EUA.

Para conhecer mais

A Hora do Pesadelo: Never Sleep Again é o livro de cabeceira dos fãs mais exigentes. O livro conta a história de como o diretor resgatou uma antiga obsessão de sua infância para criar um dos personagens mais icônicos do cinema moderno.

Em uma produção de baixo orçamento de 1984, Freddy Krueger logo sairia das telas para aterrorizar o inconsciente coletivo das futuras gerações. Mas quem assiste hoje ao primeiro longa-metragem da franquia (que já contabiliza nove títulos, incluindo uma parceria com Jason Voorhees de Sexta-Feira 13) não imagina as dificuldades que o diretor precisou enfrentar para transformar seu pesadelo em realidade.

A Hora do Pesadelo: Never Sleep Again é o registro mais completo sobre este slasher movie revolucionário. Para escrevê-lo, o autor Thommy Hutson, que já havia produzido um documentário sobre o filme, voltou a entrevistar membros do elenco e da equipe, incluindo o próprio Wes Craven, que assinou a apresentação do livro, antes de nos deixar, em 2015.

Sobre DarkSide

Eles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Hora do Pesadelo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Cabo do medo
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
CuriosidadesMedo Clássico

Quem foi Vita Sackville-West, inspiração para Orlando

Algumas das maiores obras de todos os tempos foram inspiradas em paixões reais. Esse...

Por DarkSide
AnimaçãoDarksideFilmes

O poder da mitologia na cultura pop

Sempre vamos precisar de heróis para nos inspirar com feitos e desafios fabulosos. Das...

Por DarkSide
Coven MagicaeMagicae

Cozinha da Bruxa

Nossa cozinha tem o equilíbrio perfeito dos 4 elementos: a água, equilibrando nossas...

Por Dani Petrucci
Cine Book ClubFilmesListas

6 Máscaras de filmes de terror e suas inspirações reais

Desde os desenhos do Scooby-Doo nos acostumamos a vilões mascarados. Há certo...

Por DarkSide
Cine Book ClubPerfilSéries

Dissecando Vecna

Desde que os primeiros sete episódios da quarta temporada de Stranger Things ...

Por DarkSide