Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


NovidadesSéries

A Torre Negra vai virar série de Mike Flanagan

Produção pode ser lançada pela Amazon Prime Video

10/12/2022

A Torre Negra irá ganhar uma nova chance de encantar os fãs em uma mídia audiovisual. A franquia de livros de Stephen King teve seus direitos adquiridos por ninguém menos que Mike Flanagan e seu parceiro de produção Trevor Macy

LEIA TAMBÉM: 10 CURIOSIDADES SOBRE STEPHEN KING

A dupla revelou recentemente a aquisição dos direitos da obra, ao mesmo tempo em que anunciou que a sua produtora Intrepid Pictures moveu seu acordo da Netflix para a Amazon Prime Video. “Antes do nosso acordo com a Amazon, adquirimos os direitos para A Torre Negra, que, se você sabe algo a meu respeito, sabe que esse projeto tem sido o meu Santo Graal por boa parte da minha vida”, declarou Flanagan.

Embora os direitos para a produção não façam parte do acordo com a Amazon, existe a possibilidade de que eles acabem abraçando a ideia e viabilizando que a série saia do papel. Mike Flanagan acrescentou: “Isso é algo que já estamos desenvolvendo por conta própria há algum tempo e estamos realmente amando o fato de que finalmente poderemos dar vida ao projeto em algum momento”. A Caveira gosta que seja feito com essa paixão mesmo!

Coincidentemente, a própria Amazon detinha os direitos sobre A Torre Negra, porém, o projeto nunca passou do piloto. A licença expirou, permitindo que Flanagan e Macy a adquirissem, antes mesmo do novo acordo ser confirmado.

Piloto, envolvimento de King e número de temporadas

Mike Flanagan já adiantou que vislumbra a sua adaptação de A Torre Negra como uma série de cinco temporadas, com direito a dois longa-metragens para complementar. O piloto já está escrito e ele já falou com o próprio Stephen King sobre seus planos — o que já é mais do que aconteceu na primeira tentativa de Hollywood adaptar essa obra, com aquele filme de 2017 com Matthew McConaughey e Idris Elba que muitos nós gostaríamos de desver.

a torre negra

Aliás, foi justamente esse contato que deu uma forcinha extra para que ele conseguisse os direitos. “Enviei a ele um escopo muito bem detalhado sobre o que eu queria fazer. E foi em resposta a isso que ele nos concedeu os direitos”, explicou Flanagan. 

Ele acrescentou que nem estaria envolvido em um projeto como esse se adotasse qualquer direção que representasse uma blasfêmia contra o material de Stephen King. O showrunner ainda garantiu que o escritor ofereceu todo o seu apoio ao projeto e que estava bem empolgado com o que ele e Macy querem fazer com a obra.

LEIA TAMBÉM: DOCUMENTÁRIO KING ON SCREEN REÚNE ADAPTAÇÕES DA OBRA DE STEPHEN KING

Finalmente uma adaptação à altura?

Com notas de 44% de audiência e 15% no tomatômetro do Rotten Tomatoes, além de um Metascore de 34, não dá para dizer que a gente tem saudades daquela versão de Hollywood de 2017 e isso até explica por que muitos duvidam que algum dia a obra receba uma adaptação à altura. Porém, o nome de Flanagan é visto com empolgação pelos fãs de suspense.

Ele não é estranho no universo de Stephen King, pois já dirigiu o longa da Netflix Jogo Perigoso, que agradou boa parte da crítica. Flanagan também dirigiu Doutor Sono, uma sequência indireta de O Iluminado que dividiu opiniões de público e de crítica, mas amargou uma bilheteria decepcionante nos cinemas.

Porém, é nas séries que Mike Flanagan mostra todo o seu poderio narrativo de lidar com o suspense e com o macabro. Suas séries A Maldição da Residência Hill, A Maldição da Mansão Bly, Missa da Meia-Noite e o recente O Clube da Meia-Noite são queridinhos dos assinantes do serviço de streaming que gostam de uns calafrios a mais.

A Maldição da Mansão Hill

Se considerarmos o conjunto da obra de Flanagan até aqui, a veneração que ele tem pela obra de Stephen King e a sua experiência com o terror, tudo conspira a seu favor. Por mais que ele próprio afirme ser fã de carteirinha de A Torre Negra, ainda é um criador talentoso que está disposto a fazer mudanças necessárias. 

Flanagan sabe o que os fãs, assim como ele, entendem como uma adaptação decente. Com o tempo dedicado a uma série, ele terá espaço suficiente para explicar quem são o Pistoleiro, o Homem de Preto, a Torre Negra, o Macroverso e todo resto. A Caveira está empolgada e com os dedinhos ossudos cruzados para que esse projeto logo chegue às nossas telinhas. E você?

LEIA TAMBÉM: TABITHA KING E STEPHEN KING: O AMOR PERFEITO PELA LITERATURA

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Antologia Macabra + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
N., de Stephen King + Brinde Exclusivo
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
DarksidePerfil

Peter Straub: A síntese do horror e da beleza na literatura

Existem autores que conseguem explorar o terror muito além dos sustos, dos monstros e...

Por DarkSide
FilmesNovidades

Novo filme de O Corvo divulga as primeiras imagens

Depois de viver o palhaço Pennywise em It, Bill Skarsgård aparece pela primeira vez...

Por DarkSide
FilmesFirestar Videolocadora

Superstition: Um filme que irá testar sua descrença

Existe um ditado muito popular entre os colaboradores da Firestar Videolocadora e do...

Por Cesar Bravo
FilmesLivros

4 Livros da DarkSide para quem amou Pobres Criaturas

Ciência, medicina, monstruosidade e a busca humana pelo nosso lugar no mundo. Esses...

Por DarkSide
CuriosidadesFábulas DarkFilmes

Wicked: O livro, o musical, o filme

Que Dorothy nos desculpe, mas há muito que a Bruxa Má do Oeste conquistou nossos...

Por DarkSide