Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


DarkloveListasLivros

Leitoras escolhem livros preferidos nos 10 anos da DarkLove

Muito DarkLove envolvido nessas jornadas poderosas

08/03/2023

Há dez anos a força narrativa de autoras inesquecíveis tem conquistado leitores e leitoras da marca DarkLove. Com jornadas poderosas, personagens cativantes e lições inesquecíveis, os títulos lançados nessa linha editorial na última década conquistaram um lugar especial no coração dos DarkSiders.

LEIA TAMBÉM: JORNADAS PODEROSAS: AS CONEXÕES ENTRE OS LIVROS DO UNIVERSO DARKLOVE

Com a proposta de valorizar o trabalho de talentosas autoras e fomentar o aumento da participação feminina no mercado editorial, a DarkLove traz obras com mensagens e reflexões necessárias para transformar a sociedade e abraçar as jornadas plurais de pessoas de todos os sexos, identidades, cores e crenças.

Ao trazer temas como luto, sororidade, amadurecimento, identidade, superação, entre tantos outros, os livros DarkLove conseguem se comunicar de maneira única com os mais variados perfis. Por isso, a Caveira conversou com dez leitoras que escolheram a obra mais marcante do selo nesses dez primeiros anos. Prepare-se para um post repleto de amor e inspiração:

1. Ecos — Tayana (@meusbonslivros

“Pra mim, ler Ecos foi uma grata surpresa. Além da edição belíssima da DarkSide, a história contém tudo que eu amo: crianças protagonistas, ambientação na segunda guerra e um toque de magia.

É simplesmente impossível não se apegar e se comover com o drama vivido pelas crianças, e a conexão entre elas é surpreendente. Por isso, recomendo a todos que gostam de histórias apaixonantes e cheias de misticismo, afinal, Ecos ganhou meu coração.”

ecos tayana

2. Reino das Bruxas: Irmandade Mística — Mithiele (@mithisilva

Reino das Bruxas vol. 1: Irmandade Mística é um livro altamente envolvente e viciante com um toque de mistério que faz toda a diferença. Eu não consegui parar de ler e agora preciso do volume seguinte pra ontem.

É um livro bem slow burn, com um casal que se odeia (minha trope favorita) e os dois são muito bem construídos, o que faz toda a diferença, pois quando o livro acaba, nós sentimos falta de Emilia e do príncipe do inferno. Recomendo demais a leitura.”

reino das bruxas mitchiele

3. Cores Vivas — Lorena (@passosentrelinhas

“O meu primeiro contato com Cores Vivas já aconteceu de forma especial: foi a primeira vez que a DarkSide contatou o projeto Passos entre Linhas, propondo uma leitura prévia ao lançamento, para produção de conteúdo. Eu, que já amava os livros da Caveirinha, fiquei super empolgada. Somada a essa alegria, foi emocionante conhecer a escrita da Patrice Lawrence e a história do Marlon.

A maneira como a autora retratou o racismo na vida do personagem causou revolta e também angústia, um desejo de pegar o garoto pela mão e dizer “Não! Senta aqui e ouve sua mãe” (rsrs – o meu lado professora gritando). Foi também a primeira vez que li uma história ficcional voltada para jovens que tratasse de maneira tão sincera e responsável sobre o uso de drogas (seus efeitos, riscos etc), o que pra mim são pontos muito positivos.

Cores Vivas é uma leitura necessária, intensa e, apesar da temática pesada, é também capaz de nos causar conforto ao acompanhar o amadurecimento do protagonista em suas relações interpessoais. Eu, enquanto educadora, tenho prazer em indicá-lo para outres jovens negres.

cores vivas lorena

4. A Fabulosa Casa com Pernas — Chris (@chrisakie

“Sabe aquele tipo de livro que envolve a alma com ternura? Foi desse jeitinho que me senti ao ler A Fabulosa Casa com Pernas.

A morte é um assunto recorrente no livro, o que me levou a olhar para a vida: todos os pequenos detalhes e gestos que passam despercebidos por conta da correria do dia a dia. Afinal, a jornada é tão importante quanto o fim, bem como as companhias que temos ao longo da vida, o pedacinho que cada um deixa em nós ao passar pelos nossos caminhos. Então, com amor e magia únicos que a obra tem, seus personagens se tornaram parte de mim e levo-os comigo, em meu coração.”

a fabulosa casa com pernas chris

5. Gótico Mexicano — Nadia (@a_namanita

Gótico Mexicano é o encontro perfeito da atmosfera inóspita de uma boa história de terror com a necessária representatividade. Sendo assim, seria difícil não me apaixonar pela trama assinada por Silvia Moreno-Garcia, que nos entrega exatamente o que o título promete!

LEIA TAMBÉM: CONHEÇA O PROCESSO CRIATIVO DE 5 AUTORAS DO SELO DARKLOVE

Com um contexto histórico muito bem delineado, Gótico Mexicano ainda aborda temas atuais e extremamente pertinentes, que vão do machismo à discriminação racial, passando por relacionamento abusivo, patriarcado e colonialismo. Moreno-Garcia passeia pelos lugares comuns do terror, nos entregando uma história que é familiar, mas também adiciona uma camada muito bem-vinda de originalidade. E o resultado dessa combinação de ingredientes em doses perfeitas só poderia ser uma trama que causa de tudo um pouco: de arrepios a reflexões!”

gótico mexicano nadia

6. Ela Seria o Rei — Gisele (@abducaoliteraria2

Ela Seria o Rei foi o livro mais surpreendente que li em 2022. É uma ficção histórica permeada de magia, no qual Wayétu Moore ilumina, mas também não esconde as partes mais sombrias da fundação da Libéria. A história de Gbessa, June Dey e Norman Aragon traz pontos em comum, maldições, como a maioria diz, que podem também ser bênçãos, se você olhar por um ponto de vista diferente.

A trama não é linear e isso pode trazer um pouco de confusão no início, mas a autora sabe o que está fazendo e é muito prazeroso assistir as histórias se conectarem. Aliás, é justamente a forma com que Wayétu escolhe conduzi-la que a torna ainda mais incrível. A escolha do narrador foi pontual e ele nos transmite todo o sentimento necessário para acompanhar uma história tão cheia de camadas.”

ela seria o rei gisele

7. A Guerra que Salvou a Minha Vida — Ana Gauer (@queriaseralice

“Li A Guerra que Salvou a Minha Vida há exatos cinco anos e até hoje Ada continua me ensinando a ser uma pessoa mais empática e humana. Conhecer uma garotinha que sofria tanto, em meio a uma guerra mundial, me fez sentir muitas coisas, mas acredito que a principal delas foi compaixão — e uma vontade tremenda de protegê-la da maldade que a cercava e da tristeza que consumia seus pensamentos. 

Foi uma leitura única e inesquecível para mim. Me fez enxergar a importância do pertencimento, tanto a um lugar quanto a alguém. Ada fez e continua fazendo parte da minha vida e por esse motivo o livro ocupa um lugar especial — e enorme — no meu coração.”

a guerra que salvou minha vida ana gauer

8. Para Sempre Vou te Amar — Fernanda (@embarqueliterario

Para Sempre Vou te Amar se tornou uma das histórias mais inesquecíveis que já li, com seu enredo sensível e emocionante. Além de me envolver muito, me apeguei aos personagens de uma forma inexplicável. 

Amor, amizade, família, afeto, empatia, acolhimento, respeito e superação são alguns dos pontos abordados com sabedoria e maturidade pela autora que, diga-se de passagem, é uma das minhas favoritas. Angie, Sophie, Paul e Rig terão sempre um lugar especial no meu coração.”

para sempre vou te amar fernanda

9. Blanche em Apuros — Bruna (@naoemprestolivros

“Diferente de todos os thrillers policiais que já li, Blanche em Apuros nos apresenta a uma protagonista apaixonante e repleta de camadas. Blanche White, mulher negra, meia idade, pobre, solteira e totalmente subjugada por seus patrões e pela sociedade desde que nascera. Ela é astuta e inteligente mas não deixa isso transparecer, o que a torna ainda mais instigante.

Na trama, Blanche é ousada e para se salvar de uma família sinistra ela vai precisar usar de toda sua sabedoria e astúcia. Impossível não se envolver, admirar e torcer por essa mulher.

blanche em apuros bruna

10. A História que Nunca Contei — Ellem (@colecionandoprimaveras

Kimberly Brubaker Bradley tem uma forma especial de contar histórias densas de forma leve e sensível, sem comprometer a profundidade que temas tão importantes merecem.

E em A História que Nunca Contei não foi diferente, a trajetória de Della e Suki me tocou profundamente, foi lindo e doloroso ver o crescimento delas durante a narrativa. No final, eu só queria abraçá-las forte e protegê-las de tudo.”

a história que nunca contei

E você? Também tem algum livro da DarkLove que te marcou nesses dez anos? Conta nos comentários pra gente porque a Caveira tá morrendo de curiosidade!

LEIA TAMBÉM: 10 LIVROS COM LIÇÕES VALIOSAS DA MARCA DARKLOVE

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Ecos + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
A Fabulosa Casa com Pernas + Brinde Exclusivo
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Cores Vivas + Brinde Exclusivo
R$ 69,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Ela Não Pode Confiar

    Wicked
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
FilmesFirestar Videolocadora

Brain Dead: Seu cérebro nunca será desligado

Depois de tudo o que foi feito pelo horror nos anos 1980, nosso gênero mais amado (e...

Por Cesar Bravo
Graphic NovelNovidades

Spa, de Erik Svetoft, é finalista do Prêmio Eisner

Tem história publicada pela DarkSide® Books entre os finalistas do Prêmio Eisner...

Por DarkSide
FilmesNovidades

Alpha: terceiro filme de Julia Ducournau vem aí

A cineasta francesa Julia Ducournau se estabeleceu como uma verdadeira visionária do...

Por DarkSide
CuriosidadesMagicae

Quais são os 7 chakras e o que eles significam

Você provavelmente já ouviu algum comentário sobre “desalinhar os chakras” e...

Por DarkSide
CuriosidadesMagicae

O que é a linguagem secreta das flores da Era Vitoriana?

Quanta emoção uma flor pode carregar? Não é de hoje que elas acompanham nossos...

Por DarkSide