Dark

BLOG

O UNIVERSO DARK DE FÃ PARA FÃ


CuriosidadesMacabraSéries

Qual a sua família? Os Addams ou os Monstros?

O terror corre no sangue desses clãs famosos da TV

Você com certeza conhece essa história: a família excêntrica e adorável que mora logo ali, naquela casa macabra virando a esquina, e diverte a todos nós com seu senso de humor peculiar e aventuras cotidianas. Sim, parece a premissa de A Família Addams. E sim, também parece a premissa de Os Monstros

LEIA MAIS: 8 CURIOSIDADES SOBRE AS PRODUÇÕES DE A FAMÍLIA ADDAMS

Essas duas famílias possuem muito mais em comum do que imaginamos e têm uma rivalidade que se iniciou lá na década de 1960. Apesar disso, uma coisa é certa: ambas roubaram nossos corações trevosos. 

Hoje a Caveira mergulhou fundo na genealogia desses dois clãs que marcaram a história da televisão. Prepare-se para muita nostalgia e para responder à difícil pergunta: você é um Addams ou um Monstro? 

Quem surgiu antes?

Uma semana separa a estreia das duas famílias na televisão. Sim, uma semana! Os Addams chegaram na ABC em 18 de setembro de 1964, enquanto os Monstros desembarcaram na CBS no dia 24 do mesmo mês. 

E as coincidências não param por aí. Ambas tiveram duas temporadas e acabaram no mesmo ano. A Família Addams em abril de 1966 com um total de 64 episódios e Os Monstros em maio do mesmo ano totalizando 70 episódios. 

Como o darksider pode conferir em A Família Addams: Álbum de Família, lançado em parceria com a Macabra Filmes, os Addams foram criados pelo cartunista Charles Addams, aparecendo pela primeira vez em um cartum publicado na revista New Yorker em 1938. A ideia inicial era ser um único desenho de um vendedor ambulante tentando vender seu produto para uma mulher toda de preto e seu companheiro barbudo. 

família addams

Os cartuns acabaram sendo um sucesso e gradativamente Chas Addams foi introduzindo novos personagens, como duas crianças taciturnas, um homem careca e uma senhora excêntrica. Foi com o advento da série de televisão na em 1964 que os membros da família finalmente ganharam os nomes que conhecemos hoje.  

Apesar de terem vindo um pouco depois, os Monstros possuem ancestrais famosos no mundo do horror: nada mais, nada menos do que os monstros da Universal, como Frankenstein e Drácula. A semelhança visual entre os personagens não é uma coincidência, já que a série de televisão é uma produção da própria da Universal

LEIA MAIS: MONSTROS CLÁSSICOS DA UNIVERSAL: DOS LIVROS PARA O CINEMA

Na verdade, a ideia de uma família de monstros surgiu em 1943, quando a produção desse tipo de filme estava em alta. O animador Bob Clampett, que trabalhava com os Looney Tunes, apresentou a proposta para a Universal, mas o projeto não foi para frente na época, sendo retomado apenas nos anos 1960 com outros roteiristas.

As séries de TV

Não é nenhuma coincidência as duas famílias terem suas estreias na televisão justamente durante a década de 1960. Com a popularização do aparelho de TV nas casas estadunidenses a partir dos anos 1950, as emissoras começaram a prestar mais atenção em programas com dinâmicas familiares. Shows como I Love Lucy, que estreou em 1951, e Papai Sabe Tudo, de 1954, começaram a popularizar o formato das sitcoms e os enredos centrados em temáticas familiares, cômicas e cotidianas.

Embalados por esses sucessos, na década seguinte começaram a aparecer cenários domésticos um pouco mais… excêntricos. Em 1963, Meu Marciano Favorito estreou na CBS. No mesmo ano de A Família Addams e Os Monstros, estreou na ABC A Feiticeira e um ano depois, Jeannie é um Gênio chegou na NBC. 

Bruxas, gênios, alienígenas, famílias monstros… tudo era possível dentro da magia da televisão

Foi nesse contexto, que a Universal recebeu uma ideia muito similar à proposta por Bob Clampett tanto tempo antes. O chefe do estúdio desejava retornar aos tempos gloriosos dos monstros e nada melhor do que pegar embalo no sucesso da televisão, não é mesmo? Foi assim que os roteiristas Norm Liebmann e Ed Hass foram contratados para escrever um piloto que foi apresentado para a CBS no início de 1964. Apesar deste primeiro episódio ter sido filmado em cores, Os Monstros foi desenvolvida em preto e branco para economizar dinheiro. 

monstros

E os Addams? Bem, é aqui que as coisas ficam confusas. O criador da série, o veterano David Levy, contou que estava caminhando por Nova York quando foi atraído pela capa de uma coleção de cartuns de Charles Addams. Os dois se encontraram e Levy estava determinado em transformar esses personagens em uma grande família com nomes. Inclusive, foi dele a ideia de que uma certa mãozinha, que apareceu em 1954 no cartum, se transformasse em uma personagem regular da série. Também foi ele quem criou um dos personagens mais queridos do público: o Primo It, que fez sua estreia na televisão no início de 1965.

Ninguém sabe exatamente quando Levy e Addams começaram a trabalhar na série, mas é estipulado que estavam preparando uma proposta para a emissora desde 1963, sem ter ideia de que a Universal estava desenvolvendo um show muito parecido, anunciado apenas no início de 1964.

Isso significa então que A Família Addams e Os Monstros foram desenvolvidas simultaneamente enquanto ideias independentes, sendo muito difícil afirmar quem teve a ideia da série antes. Como os shows foram produzidos na mesma época, é muito provável que os produtores sabiam da existência uns dos outros e correram contra o tempo com seus pilotos, de forma que as séries se influenciaram mutuamente.

Apesar das semelhanças, as duas séries tinham tons bastante diferentes. Com um humor um pouco mais macabro e sombrio, os Addams eram uma família excêntrica que residia na 0001 Cemetery Lane. Com algumas exceções, os membros da família eram decididamente humanos e com aparências “normais”. O humor da série estava justamente no choque de seu estilo de vida e cultura com o resto do mundo

addams

Enquanto isso, os Monstros eram baseados nas criaturas clássicas da Universal. Apesar de fisicamente monstruosos, eles eram a típica família estadunidense com um humor um pouco mais leve que os dos Addams. Originalmente da Transilvânia, o clã morava na cidade fictícia de Mockingbird Heights, sendo composto por Herman, uma espécie de criatura de Frankenstein, Lily, uma vampira, Vovô, uma sátira ao Conde Drácula, Eddie, o filho lobisomem, e o “patinho feio da família”, Marilyn, o único membro dos Monstros que tinha uma aparência humana.

Mesmo com as diferenças de tom, ambas as séries satirizavam o que era considerado normal na sociedade, deixando a lição de que as aparências sempre podem enganar. Também tiveram elencos bastante famosos. Carolyn Jones e John Astin lideraram os Addams como Mortícia e Gomez, enquanto Fred Gwynne e Yvonne De Carlo chefiaram os Monstros como Herman e Lily.

Com estruturas familiares bastante parecidas e personagens que funcionavam como espelhos um dos outros, as duas foram muito bem de audiência em suas primeiras temporadas. Os Monstros terminou em 18º no ranking daquele ano, seguida pela A Família Addams na 23ª posição. 

De volta do túmulo

Mesmo tendo terminado após duas temporadas, ambas as famílias tornaram-se extremamente queridas na cultura pop, gerando uma quantidade enorme de produtos, filmes, programas especiais e animações. O mais engraçado é que costumam voltar simultaneamente para os olhos do público

Os Monstros voltaram primeiro, em 1966, com o filme Monstros, Não Amolem! Em 1977, foi a vez dos Addams com um filme feito especialmente para a televisão em Halloween with the New Addams Family.

Na década de 1970, ambas se tornaram animações. Os Addams apareceram no episódio “Scooby-Doo encontra a Família Addams” e também ganharam uma série animada entre 1973 e 1975. Já os Monstros receberam seu especial de uma hora intitulado The Mini-Munsters em 1973. 

Nas décadas de 1980 e 1990, os dois clãs ganharam filmes. Os Monstros com A Vingança dos Monstros (1981), Os Monstros Estão de Volta (1995) e O Natal da Família Monstro (1996), todos lançados diretamente para a televisão. Já os Addams voltaram com dois grandes sucessos de bilheteria: A Família Addams (1991) e A Família Addams 2 (1993), além de duas animações (2019 e 2021) e um filme direto para vídeo (1998).

família addams

Mas se engana quem acha que as semelhanças acabam por aqui. As duas séries também tiveram novas versões! The Munsters Today ficou no ar entre 1987 e 1991, enquanto A Nova Família Addams estreou em 1998 e foi encerrada em 1999. 

E uma pequena curiosidade: apesar dos elencos nunca terem sido misturarem, Butch Patrick, que interpretou Eddie Monstro na série original de 1964, também fez parte dos Addams. O ator mirim interpretou Feioso em um especial de 1973 intitulado The Addams Family Fun House

Eles estão de volta! E na Natflix!

Para não perder o hábito, tanto os Monstros quanto os Addams retornam para nossas televisões no ano de 2022. Dessa vez no mesmo lugar: na Netflix

Dirigido e roteirizado por Rob Zombie, o filme The Munsters é uma grande carta de amor ao seriado. Com um enredo que se passa antes dos eventos que já conhecemos, serve como uma história de origem, contando ao espectador como Lily e Herman se conheceram e como a família se mudou para a ensolarada Califórnia. 

the munsters

Com cores vibrantes e um visual caprichado, o filme é estrelado por Sheri Moon Zombie, Jeff Daniel Phillips e Daniel Roebuck, contando com uma participação especial de Cassandra Peterson. Butch Patrick e Pat Priest, o Eddie e a Marilyn Monstro originais, fazem participações especiais com suas vozes. O longa estreou em 27 setembro no serviço de streaming, mas ainda não tem previsão para chegar no Brasil. 

Já os Addams voltam em Wandinha, protagonizada por Jenna Ortega e criada por Tim Burton, Alfred Gough e Miles Millar. Com oito episódios, a série estreia mundialmente no dia 23 de novembro e irá acompanhar a personagem titular como estudante da Escola Nunca Mais. A produção conta com Luis Guzmán como Gomez e Catherine Zeta-Jones como Mortícia, além de outros nomes famosos como Gwendoline Christie e Christina Ricci. 

wandinha

Com trajetórias muito parecidas, no final das contas não importa quem veio antes ou qual das famílias é a mais famosa. O que importa mesmo é que as duas alegram nossas vidas há mais de 60 anos e nos ensinaram valiosas lições. É como se não pudéssemos ter uma, sem a outra. E que sorte a nossa, não é mesmo?

LEIA TAMBÉM: VANDINHA ADDAMS VEM AÍ

Sobre DarkSide

Avatar photoEles bem que tentaram nos vender um mundo perfeito. Não é nossa culpa se enxergamos as marcas de sangue embaixo do tapete. Na verdade, essa é a nossa maldição. Somos íntimos das sombras. Sentimos o frio que habita os corações humanos. Conhecemos o medo de perto, por vezes, até rimos dele. Dentro de nós, é sempre meia-noite. É inútil resistir. Faça um pacto com quem reconhece a beleza d’ O terror. O terror. Você é um dos nossos.

Website

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Obrigado por comentar! Seu comentário aguarda moderação.

Indicados para você!

Frankenstein
R$ 59,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
Drácula - Dark Edition + Brinde Exclusivo
R$ 79,90
5% de Descontono boleto
COMPRAR
  • Experiência Dark
  • Experiência Dark
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
FilmesNovidades

Tudo o que sabemos sobre Pânico 6

Alô, Sidney. Ou melhor, Sam e Tara. Desde aquela ligação telefônica sinistra em...

Por DarkSide
ArtigoFábulas Dark

A sinistra relação entre Pink Floyd e O Mágico de Oz

De um lado, O Mágico de Oz, clássico do cinema estadunidense, dirigido por Victor...

Por DarkSide
CuriosidadesDarkside

O que é mito e o que é mitologia?

Há alguma ironia e até um trocadilho divertido quando pensamos nos principais mitos...

Por DarkSide
ListasLivros

Dicas de livros para presentear nesse fim de ano

O período de festas e confraternizações está chegando, e com ele aquela eterna...

Por DarkSide
DarkloveListasLivros

10 Livros com lições valiosas da marca DarkLove

Uma narrativa nunca se limita ao universo de seus personagens. Ela ressoa nas...

Por DarkSide